icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
08/02/2015
00:14

O Brasil encerrou neste sábado a participação na Fed Cup 2015 ficando com o vice-campeonato do Zonal Americano ao ser superado pelo Paraguai por 2 a 1. Com o resultado, a equipe brasileira permanece no Grupo I das Américas em 2016 na competição.

 

Paula Gonçalves jogou a primeira partida de simples do confronto e teve grande atuação diante da paraguaia Montserrat Gonzalez, vencendo com parciais de 6/0 6/3.

 

No segundo jogo, Beatriz Haddad Maia entrou mais uma vez como número 1 da equipe para enfrentar Veronica Cepede Royg, principal jogadora do time paraguaio. Bia fez uma partida bastante equilibrada, com chances para as duas tenistas, mas acabou superada nos detalhes com parciais de 6/4 7/6(4).

 

Mesmo ainda sem estar 100%, o que a deixou fora nos jogos de simples, Teliana Pereira se dispôs a jogar duplas ao lado de Paula Gonçalves na partida decisiva, mas as brasileiras foram superadas por Gonzalez e Cepede Royg por 2 sets a 0, com duplo 6/3. O resultado colocou o Paraguai no Playoff do Grupo Mundial II depois de 20 anos de ausência.

 

“É óbvio que a gente fica um pouco triste por não ter conseguido a vitória, mas, com certeza, com a consciência tranquila de que as meninas deram o máximo, que a gente fez tudo o que podia essa semana. A gente não pode tirar o mérito do Paraguai. Agora é focar no objetivo de cada uma nos torneios do ano e ano que vem vamos estar fortes de novo para correr atrás do nosso objetivo”, afirmou a capitã Carla Tiene.

 

O Brasil em San Luis Potosi foi formado pelas tenistas Teliana Pereira,Beatriz Haddad Maia, Gabriela Cé e Paula Gonçalves, além da comissão técnica com a capitã Carla Tiene, o auxiliar-técnico Renato Pereira, a preparadora física Renata Penha, a fisioterapeuta Claudia Tamachiro, o médico Ricardo Diaz e o chefe da delegação Paulo Moriguti.