icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
27/11/2014
00:18

A história de Levir Culpi no Cruzeiro não é nada ruim, diga-se de passagem. Mas, desde que voltou ao país para assumir o Atlético-MG pela quarta vez, o treinador tem mostrado trabalho suficiente para igualar os mesmos feitos no alvinegro que conseguiu nas ocasiões em que dirigiu o time celeste. Nesta noite de quarta-feira, Levir deu mais uma prova, vencendo a Copa do Brasil pelo Galo, diante do maior rival.

Até então, o único título da Copa do Brasil que o comandante tinha havia sido justamente com o Cruzeiro, na temporada de 1996. Levir ainda bateu na trave em outras duas vezes. Em 1998, também com o Cruzeiro, e em 2000, já com o São Paulo. 18 anos depois da primeira taça no torneio, o treinador conquista seu bicampeonato, deixando para trás os dois vices que lhe acompanharam durante os anos.

As coincidências entre as trajetórias no Galo e na Raposa não param por aí. O terinador também tem o mesmo número de conquistas internacionais nos dois rivais. A Recopa Sul-Americana com o Cruzeiro em 1998 e com o Galo, em julho deste ano. Se ficar na equipe para a próxima temporada, porém, Levir ainda terá a chance de desempatar o número de títulos mineiros. Até agora, ele tem dois com o Atlético (1995 e 2007) e outros dois com o Cruzeiro (1996 e 1998).