icons.title signature.placeholder Bruno Andrade
14/06/2014
08:05

“Desculpe te atrapalhar, mas você é o Drogba? Acredite se quiser, deixe o cabelo crescer. Você vai fazer sucesso na carreira”.

Foram com essas palavras que um idoso desconhecido abordou Didier Drogba na fria madrugada de Le Mans, na França, durante um passeio sem compromisso, em 2001.

Aos 23 anos, o atacante, que havia deixado a Costa do Marfim aos cinco anos para morar com o tio e então jogador Michel Goba, ainda era uma aposta do Le Mans. Revelado pelo Levallois, modesto clube francês, Drogba demorou para deslanchar. Coincidência ou não, a disparada na carreira ocorreu poucos meses depois do encontro inusitado, quando ele já chamava a atenção pelo cabelo comprido.

Contratado pelo Guingamp em 2002 por apenas 150 mil euros, o jogador não demorou a despontar. Foram dois anos em alta. O bom futebol de Drogba despertou o interesse do grande Olympique de Marseille, que desembolsou 6 milhões euros para trazê-lo, em 2003.

Drogba fez somente uma temporada pelo time de Marseille. Mas foi tempo suficiente para o poderoso Chelsea contratá-lo por 24 milhões libras. Na Inglaterra, de 2004 a 2012, o atacante tornou-se ídolo e atingiu o posto de quarto maior artilheiro da história do clube, com 157 gols.

Em 2012, o jogador teve uma rápida e lucrativa passagem pelo Shanghai Shenhua, da China. Atualmente, a maior esperança de gols da Costa da Marfim na Copa do Mundo defende o Galatasaray.

Aos 36 anos, Drogba segue cabeludo e artilheiro. Isso porque ele ainda faz questão de seguir o conselho do velho estranho de Le Mans. Cabelo longo e faro de gol. A combinação funcionará mais uma vez neste sábado à noite, às 22h, na Arena Pernambuco, no Recife, no duelo entre Costa do Marfim e Japão, pelo Grupo C?

HOMENAGEM AO ARTILHEIRO

Mais do que ser artilheiro e ídolo na Costa do Marfim, Drogba também é nome de estádio na França. Em 2010, o Levallois, clube que o atacante defendeu dos 15 aos 19 anos, ainda sem o cabelo comprido, inaugurou o Le Stade Didier Drogba (O Estádio Didier Drogba, em português). Atualmente, o Levallois Sporting Club disputa a quarta divisão francesa.