icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
04/07/2013
08:00

A saída de Leandro Damião era tida como uma certeza entre dirigentes colorados no início do ano. Apesar das saídas de Fred e Rodrigo Moledo, a venda do centroavante ainda é esperada no clube gaúcho. Tanto que os diretivos já trabalham na busca de uma reposição. Além de dois meias, o Internacional irá contratar no mínimo um jogador para o setor ofensivo.

Nesta quarta-feira, uma sondagem do futebol europeu foi revelada pelo empresário Jorge Machado. A postura do presidente Giovanni Luigi, porém, é de rechaçar a venda do jogador. O mandatário inclusive negou as conversas com Machado. Outros dirigentes já falam que o clube irá vasculhar o mercado por um atacante. Inicialmente, um jogador de movimentação. Se Damião sair, e a chance existe, um atleta com características semelhantes ao camisa 9.

Dois nomes circularam vinculados ao Inter: os argentinos Javier Saviola e Ignácio Scocco. Ambos com mobilidade, mas jogadores terminais, do centro do ataque. Um dos entraves para a negociação de um destes atacantes seria o número de estrangeiros, já que o Inter conta com Diego Forlán, D’Alessandro e Dátolo, este menos valorizado, no elenco. Para o setor, o clube também buscou Jorge Henrique no Corinthians.

O Colorado contratou o meia Alan Patrick, além do atacante, e busca mais um jogador para o meio-campo. O negócio com Júlio Baptista esfriou e pode não acontecer mais. Os colorados tentaram Cícero, do Santos, mas ouviram um não dos paulistas. O grupo alvirrubro retoma os treinamentos na manhã desta quinta-feira, no CT do Parque Gigante. O primeiro jogo do retorno ao Brasileirão será no domingo, contra o Vasco, em Caxias do Sul.

A saída de Leandro Damião era tida como uma certeza entre dirigentes colorados no início do ano. Apesar das saídas de Fred e Rodrigo Moledo, a venda do centroavante ainda é esperada no clube gaúcho. Tanto que os diretivos já trabalham na busca de uma reposição. Além de dois meias, o Internacional irá contratar no mínimo um jogador para o setor ofensivo.

Nesta quarta-feira, uma sondagem do futebol europeu foi revelada pelo empresário Jorge Machado. A postura do presidente Giovanni Luigi, porém, é de rechaçar a venda do jogador. O mandatário inclusive negou as conversas com Machado. Outros dirigentes já falam que o clube irá vasculhar o mercado por um atacante. Inicialmente, um jogador de movimentação. Se Damião sair, e a chance existe, um atleta com características semelhantes ao camisa 9.

Dois nomes circularam vinculados ao Inter: os argentinos Javier Saviola e Ignácio Scocco. Ambos com mobilidade, mas jogadores terminais, do centro do ataque. Um dos entraves para a negociação de um destes atacantes seria o número de estrangeiros, já que o Inter conta com Diego Forlán, D’Alessandro e Dátolo, este menos valorizado, no elenco. Para o setor, o clube também buscou Jorge Henrique no Corinthians.

O Colorado contratou o meia Alan Patrick, além do atacante, e busca mais um jogador para o meio-campo. O negócio com Júlio Baptista esfriou e pode não acontecer mais. Os colorados tentaram Cícero, do Santos, mas ouviram um não dos paulistas. O grupo alvirrubro retoma os treinamentos na manhã desta quinta-feira, no CT do Parque Gigante. O primeiro jogo do retorno ao Brasileirão será no domingo, contra o Vasco, em Caxias do Sul.