icons.title signature.placeholder Fábio Aleixo
05/11/2013
12:30

Primeiro duplista brasileiro a entrar em quadra nas Finais da ATP, Bruno Soares foi derrotado em sua estreia na competição de Londres.

Na tarde desta terça-feira, na Arena O2, o mineiro e o austríaco Alexander Peya foram superados por Radek Stepanek (RTC)/Leander Paes (IND) por 2 sets a 1, com parciais de 6-3, 5-7 e 10-8, em duelo de 1h42 de duração.

O resultado foi uma repetição do que ocorreu na final do Aberto dos Estados Unidos, em setembro, quando Soares e Peya ficaram com o vice-campeonato.

Para avançar às semifinais, o brasileiro e o austríaco precisarão vencer os dois jogos que lhes restam no Grupo B. Eles pegam ainda Marcel Granollers (ESP)/Marc López (ESP) e Fernando Verdasco (ESP)/David Marrero (ESP).

O JOGO

A partida começou bastante complicada para Peya e Soares. Logo na primeira vez que o austríaco foi ao saque, com 1 a 0 contra, eles tiveram de salvar três break points para deixar o marcador em 1 a 1.

Na sequência, tanto Stepanek, quanto Bruno Soares confiramaram seus serviços, deixando o marcador em 2 a 2.

Neste momento, Alexander Peya foi para o serviço e novamente meteu a parceria em um buraco. O dueto austro-brasileiro permitiu aos rivais abrirem 40 a 0, e nem mesmo após esboçarem uma reação, conseguiram evitar a quebra.

Na sequência, Leander Paes conseguiu confirmar seu saque com tranquilidade para deixar a dupla com 5 a 2.

Bruno Soares foi ao saque com a missão de manter as esperanças vivas. Mas quase se complicou. Ele chegou a servir em 40 a 40, mas a dupla teve frieza para sustentar a pressão e forçar a realização do nono game.

Mas aí não teve jeito. Agressivos, o tcheco e o indiano fecharam a primeira parcial em 6-3.

No segundo set, o jogo seguiu equilibrado e sem quebras até o 12º game. Foi aí que Bruno Soares e Alexander Peya conseguiram o break para forçar o match tie break.

Paes e Stepanek conseguiram abrir 40 a 15, mas perderam os três pontos seguidos e foram quebrados.

No set decisivo, o indiano e o tcheco comandaram o marcador desde o início e tiveram três match points antes de fechar em 10 a 8.

O repórter viaja a convite da ATP