icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/12/2013
15:39

Convidado para participar da Corrida do Milhão, em sua estreia na Stock Car, Bruno Senna completou o circuito de Interlagos, último da temporada 2013, com segurança, chegando em 15º lugar.

- Acho que não dá para reclamar de nada. Me diverti muito nesta corrida. Tenho que agradecer à Raízen pela oportunidade e à equipe pela forma profissional e afetuosa como me acolheu. Fico feliz também pela oportunidade de fazer parte do lançamento de um projeto tão importante quanto o do etanol de segunda geração - declarou o piloto brasileiro.

Ao longo do ano, Bruno teve três vitórias e dois vices nas 12 corridas que compõe o Campeonato Mundial de Endurance da FIA, mas recebeu vários alertas.

- Levei um toquezinho ou outro mais sério e nada mais. A verdade é que, se você souber se colocar na pista, esses riscos diminuem.

Na corrida deste domingo, Bruno tentou poupar os pneus traseiros logo no início, mas enfrentou alguns problemas depois de substituir o direito.

- Ficou muito difícil dirigí-lo. Para piorar, nas últimas 12 voltas fiquei sem as informações do painel. Não sabia meus tempos de volta, as diferenças para que estava à frente e atrás, nem mesmo quantas vezes ainda poderia usar o botão de ultrapassagem.

O diretor-técnico da equipe, Andreas Mattheis, que também é responsável pelos carros de Cacá Bueno e Daniel Serra, elogiou o desempenho do piloto na Corrida do Milhão.

- Ele se mostrou um piloto profissional, responsável e uma ótima pessoa para se lidar. Tivemos apenas uma semana para trabalhar juntos e, evidentemente, não poderia estar no mesmo padrão dos demais da equipe - contou Mattheis.

Com proposta de renovação com a Aston Martin, além de outras negociações para a próxima temporada, Bruno Senna admitiu que pode tentar se consolidar na Stock Car.

- Vai depender do projeto. Se for algo bom, dentro de uma perspectiva de médio ou longo prazo, num esquema competitivo, por que não? Gostei bastante desta experiência e estou aberto a outras oportunidades - finalizou.