icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2013
11:18

Após perder para a Rússia na manhã desta sábado, por 3 sets a 2, de virada, o Brasil perdeu a chance de levantar a taça da Copa dos Campeões com antecedência. No entanto, para o capitão da equipe, Bruninho, o pensamento já está no jogo deste domingo, diante da Itália.

- Amanhã é uma final para o nosso time. Agora temos que pensar só no próximo jogo, em vencer a Itália para conquistar o título. No ano que vem voltamos a pensar na Rússia. Eles têm se tornado uma pedra no nosso sapato, mas não é o momento de chorar pelo leite derramado - declarou o capitão da Seleção Brasileira, que ainda pediu garra aos jogadores.

- Acho que o fato de termos muito pouco tempo entre os jogos pode facilitar a digestão da partida contra a Rússia. Tenho certeza que a nossa equipe vai entrar 'mordida', pois precisamos da vitória para conquistarmos o título e, em cima do pódio, vamos sentir o gostinho bom do resultado positivo. Sabemos que não vai ser fácil, pois a Itália tem uma equipe muito boa também, que inclusive venceu a Rússia na primeira rodada, e é por isso que temos que entrar com tudo amanhã - completou.

Mesmo confiante com sua equipe, o técnico Bernardinho lamentou a derrota para a Rússia, destacando falta de atenção do Brasil.

- A Rússia teve méritos, mas foi um jogo bem jogado, serve como lição. Fizemos dois sets espetaculares, o terceiro foi igual até o final, mas as mexidas deles surtiram efeito. É triste perder para a Rússia, mas o título está nas nossas mãos. Continuamos na frente e temos que ganhar amanhã. Estar no lugar mais alto do pódio é a nossa intenção nesse campeonato - projetou o treinador.