icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/07/2013
12:56

Assim como a partida da última sexta-feira, o Brasil levou um susto logo no início contra a Bulgária neste sábado, em Brasília, no ginásio Nilson Nelson, pela Liga Mundial. Porém, a vitória veio novamente por 3 sets a 1 diante dos europeus. O confronto valia a liderança do grupo A, e mesmo com a derrota no primeiro set, os brasileiros conseguiram a virada e venceram com parciais de 19-25, 25-21, 25-17, 25-19.

O búlgaro Sokolov apontava como um diferencial na partida, mas isso durou apenas um set. O técnico Bernardinho ficou irritado com a superioridade do atacante búlgaro no início da partida e deixou os atletas pilhados para que a equipe voltasse ao jogo, sendo liderados pelo seu filho Bruninho.

Dessa vez, o levantador comandou a vitória da seleção verde-amarela. Com defesas importantes e consistência no ataque, o atleta conseguiu ditar o ritmo junto com Vissoto e Lucarelli que foram peças chave na vitória desta manhã, que também contou com o apoio da torcida brasileira onde a todo instante empurravam com gritos da arquibancada.

O Brasil volta às quadras pela Liga Mundial no próximo sábado, quando enfrenta os Estados Unidos, no Ginásio do Maracanãzinho, Rio de Janeiro.

Classificação do Grupo A
1) Brasil – 19 pontos
2) Bulgária – 14 pontos
3) EUA – 12 pontos
4) Polônia – 10 pontos
5) França – 10 pontos
6) Argentina – 4 pontos

Classificação do grupo B
1) Rússia – 18 pontos
2) Itália – 17 pontos
3) Sérvia – 12 pontos
4) Alemanha – 12 pontos
5) Irã – 9 pontos
6) Cuba – 2 pontos

Classificação do Grupo C
1) Holanda – 22 pontos
2) Canadá – 18 pontos
3) Portugal – 11 pontos
4) Finlândia – 9 pontos
5) Japão – 8 pontos
6) Coréia do Sul – 7 pontos

Assim como a partida da última sexta-feira, o Brasil levou um susto logo no início contra a Bulgária neste sábado, em Brasília, no ginásio Nilson Nelson, pela Liga Mundial. Porém, a vitória veio novamente por 3 sets a 1 diante dos europeus. O confronto valia a liderança do grupo A, e mesmo com a derrota no primeiro set, os brasileiros conseguiram a virada e venceram com parciais de 19-25, 25-21, 25-17, 25-19.

O búlgaro Sokolov apontava como um diferencial na partida, mas isso durou apenas um set. O técnico Bernardinho ficou irritado com a superioridade do atacante búlgaro no início da partida e deixou os atletas pilhados para que a equipe voltasse ao jogo, sendo liderados pelo seu filho Bruninho.

Dessa vez, o levantador comandou a vitória da seleção verde-amarela. Com defesas importantes e consistência no ataque, o atleta conseguiu ditar o ritmo junto com Vissoto e Lucarelli que foram peças chave na vitória desta manhã, que também contou com o apoio da torcida brasileira onde a todo instante empurravam com gritos da arquibancada.

O Brasil volta às quadras pela Liga Mundial no próximo sábado, quando enfrenta os Estados Unidos, no Ginásio do Maracanãzinho, Rio de Janeiro.

Classificação do Grupo A
1) Brasil – 19 pontos
2) Bulgária – 14 pontos
3) EUA – 12 pontos
4) Polônia – 10 pontos
5) França – 10 pontos
6) Argentina – 4 pontos

Classificação do grupo B
1) Rússia – 18 pontos
2) Itália – 17 pontos
3) Sérvia – 12 pontos
4) Alemanha – 12 pontos
5) Irã – 9 pontos
6) Cuba – 2 pontos

Classificação do Grupo C
1) Holanda – 22 pontos
2) Canadá – 18 pontos
3) Portugal – 11 pontos
4) Finlândia – 9 pontos
5) Japão – 8 pontos
6) Coréia do Sul – 7 pontos