icons.title signature.placeholder João Pedro Marins
27/06/2014
16:26

Em busca de estrear no ranking peso-pena do Ultimate, Charles do Bronx volta ao octógono neste sábado para tentar emplacar duas vitórias consecutivas na organização. O brasileiro encara Hatsu Hioki no card principal do UFC de Auckland e revelou ao LANCE!Net sua expectativa para participar do primeiro evento da organização na Nova Zelândia.

Vindo de vitória sobre Andy Ogle por finalização, do Bronx busca seu sexto triunfo dentro da maior organização de MMA do planeta. Apesar de estar acostumado a receber prêmios no Ultimate - já foram quatro - o brasileiro garante que não se importa como terminará a luta contra Hioki, contanto que vença o combate. Como a luta é na Nova Zelândia, o paulista poderá assistir ao jogo Brasil x Chile após o combate. No clima da Copa do Mundo, o brasileiro ainda brincou ao ser perguntado sobre como quer vencer a disputa. 

- Na verdade, ele (Hioki) nunca foi nocauteado ou finalizado e eu quero vencer. Gostaria de finalizar a luta, mas não importa se é gol de bicicleta ou de bunda, o importante é vencer. Se for para decisão não tem problema. Quero fazer uma luta boa e sair com a vitória - comentou o brasileiro, em conversa por telefone com o L!Net.

Do Bronx ainda fez uma análise de seu próximo oponente e explicou qual será sua estratégia no confronto. Em março deste ano, Hioki venceu Ivan Menjivar, se recuperando de uma sequência negativa de três derrotas, e também busca seu segundo triunfo consecutivo. Ressaltando a experiência do japonês, do Bronx afirmou que pretende ser ofensivo no combate.

Charles do Bronx finalizou Andy Ogle em Jaraguá do Sul (FOTO: William Lucas/Inovafoto)

- Ele é muito experiente e está acostumado com grandes eventos. Acho q ele vai tentar usar a experiência dele, mas também vou usar a minha. Vou para cima e vou impor meu ritmo. Ele é um cara muito duro e já foi cotado para lutar pelo título, mas também já lutei contra caras de grandes nomes. Tenho certeza que vai ser uma luta muito boa, uma guerra - projetou o lutador.

Charles do Bronx e Hatsu Hioki se enfrentam no card principal do UFC de Auckland, que está marcado para começar às 3h30 deste sábado. Na luta principal do show, James Te Huna encara Nate Marquardt pela categoria dos pesos-médios.

Confira abaixo um bate-bola com Charles do Bronx:
Como foi sua preparação para o evento deste sábado?
Dessa vez o treinamento foi muito bom pelo fato de quase todos meus companheiros também tiveram luta marcada. Todo mundo treinou o máximo para ajudar o outro e se preparar também. Estou muito motivado.

Você acha que uma vitória te colocará no top 15 dos penas ?
Acho que quanto mais a gente vai vencendo, mais a gente cresce no UFC. Quero muito chegar no top 10. Meu objetivo é vencer, e se o UFC achar que mereço entrar pelo menos nesse top 15 vou ficar muito feliz.

Do Bronx enfrenta Hatsu Hioki neste sábado (FOTO: Divulgação/UFC)

Você mudou alguma coisa na sua mentalidade depois da luta contra Frankie Edgar ?
Eu sempre entro para dar show, nunca entro para só vencer. Gosto de ver o público gritando meu nome e aplaudindo de pé. Acho que o lutador que ganha, mas é vaiado, fica feio. Contra o Frankie, todo mundo achava que eu não passaria do primeiro round, mas mostrei evolução e perdi por decisão. Não importa contra quem eu lutar, vou sempre para frente, trabalhando em pé e no chão.

O que você sabe da Nova Zelândia? Está animado para lutar lá?
Nunca fui lá, mas quando me ligaram eu nem quis saber contra quem era e aceitei. É longe, mas vai dar tudo certo. Estou feliz de poder lutar no primeiro evento do UFC lá. Já me falaram que é uma cidade linda. Espero que saia tudo bem e eu possa ser aplaudido.