icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
16/11/2014
19:13

Marcelo Oliveira foi responsável direto pelo triunfo do Cruzeiro por 1 a 0 sobre o Santos, na tarde deste domingo, na Vila Belmiro, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após o empate sem gols no primeiro tempo, o treinador conversou com o restante do elenco no intervalo e queixou-se da forma com que os seus comandados atuaram.

Willian participou diretamente do gol anotado por Ricardo Goulart. O atacante deixou o campo relatando a conversa com o comandante durante o intervalo.

– Em nenhum momento, a gente pensa que o campeonato está definido ou se acomoda. A gente é uma equipe muito intensa, tem que recompor e atacar. O Marcelo foi feliz, cobrou de uma forma correta e a gente voltou diferente, ligado. Todos se empenharam muito. O Goulart teve felicidade na finalização e nos ajudou a sair com a vitória – avaliou.

Marcelo Moreno também analisou a situação. O centroavante boliviano revelou que a cobrança do treinador no vestiário foi crucial para a mudança de postura da equipe.

– Acho que foi um jogo muito difícil. A gente entrou meio lento no jogo, não estávamos encaixando os passes. O Marcelo falou com o grupo no intervalo e entramos com outra cara no segundo tempo. Falta pouco e o grupo sabe disso – afirmou.

O Cruzeiro volta a campo nesta quinta-feira, às 21h50, diante do Grêmio, na Arena, em Porto Alegre. A partida, válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, pode marcar o segundo título nacional consecutivo da Raposa.