icons.title signature.placeholder Leo Burlá
11/06/2014
07:16

Após sair do Brasil para tentar a sorte na Croácia aos 16 anos, o brasileiro naturalizado croata Eduardo da Silva se prepara para viver uma situação inédita.

Na quinta-feira, quando pisar o gramado da Arena Corinthians para enfrentar o Brasil, o atacante vai fazer sua primeira partida como profissional em seu país natal.

Antes, o hoje jogador do Shakthar Donetsk (UCR) só participara de treinos em solo brasileiro.

- Nunca imaginaria que 15 anos depois eu teria a oportunidade de jogar contra meu país de origem em uma Copa, muito menos em uma partida de abertura. É uma situação em que o impossível se torna possível. Vai ser um dos dias mais felizes da minha vida - celebrou.

Mesmo emocionado, o carioca afirma que os croatas podem surpreender o time de Luiz Felipe Scolari. Para tanto, ele dá a receita:

- A Croácia pode fazer uma grande surpresa, especialmente se fizermos o primeiro gol. Caso isso ocorra será difícil para o Brasil virar. Se o Brasil não marcar nos primeiros minutos a pressão se voltará contra o técnico e os jogadores.