icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/07/2014
17:26

Um jogo impecável! Assim resume-se o que foi a partida da Seleção Brasileira contra a Itália, neste sábado. Por 3 sets a 0 (25-11, 25-23 e 25-20), o Brasil chegou à final da Liga Mundial, contrariando todas as expectativas do início de torneio.

- Acho que o nosso jogo tem que ser como hoje. A gente sabe que tem que ter o passe na mão, isso facilita bastante. É um time excepcional que merece estar na final - comentou o ponteiro.

Jogando na casa do adversário, o Brasil sofreu com a arbitragem "caseira". Os quatro bandeiras de fundo eram italianos e, em cinco oportunidades, erraram em chamadas. Curiosamente, todas contra o Brasil. Ainda assim, a Itália não complicou a partida contra o Brasil.

- A gente tem que ter os pés no chão. Vemos nosso retrospecto e foram jogos dificílimos contra os Estados Unidos. Agora é por o pé no chão, estudá-los e tentar fazer um jogo ainda melhor que hoje - completou Sidão

Disputando sua 14ª final de Liga Mundial, o Brasil volta à quadra amanhã, às 15h30 (horário de Brasília), contra os Estados Unidos. A partida volta a ser jogada no Nelson Mandela Forum, em Florença, na Itália.