icons.title signature.placeholder Felipe Lucena, Vinícius Perazzini e Walace Borges
icons.title signature.placeholder Felipe Lucena, Vinícius Perazzini e Walace Borges
10/07/2013
17:59

A partida entre Botafogo e Náutico, de mando de campo do Alvinegro, marcada para 20 de julho, poderá ser disputada em São Januário. As negociações do Glorioso com o Vasco, dono do estádio, estão acontecendo nos últimos dias.

O Botafogo também trabalha com outra alternativa: o Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ). Uma fonte ouvida pela reportagem do LANCE!Net afirmou que "há 75% de chances de o jogo ser no Raulino" e que "já existe uma negociação do Alvinegro com os gestores do estádio".

E MAIS:
> Bota negocia para jogar no Maracanã por dois anos, porém quer mais tempo
> Fluminense anuncia acordo com Consórcio e volta ao Maracanã
> Por perdão de dívidas de clubes, Marin e aliados 'fogem' de Romário

Pesa contra o Botafogo na negociação com o Vasco o fato de os clubes terem se desentendido após o fechamento do Engenhão, quando o Alvinegro recusou a possibilidade de jogar o clássico contra o rival em São Januário. Na época, a impossibilidade de dividir igualmente as torcidas fez o Glorioso se negar a atuar no estádio.

PARA DEPOIS DO CLÁSSICO

Vale lembrar que o Botafogo também está negociando com o Consórcio Maracanã para atuar no local por pelo menos os próximos dois anos. Além disso, o Alvinegro continua estudando a possibilidade de levar partidas do Campeonato Brasileiro para outros estados do Brasil.

A partida entre Botafogo e Náutico, de mando de campo do Alvinegro, marcada para 20 de julho, poderá ser disputada em São Januário. As negociações do Glorioso com o Vasco, dono do estádio, estão acontecendo nos últimos dias.

O Botafogo também trabalha com outra alternativa: o Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ). Uma fonte ouvida pela reportagem do LANCE!Net afirmou que "há 75% de chances de o jogo ser no Raulino" e que "já existe uma negociação do Alvinegro com os gestores do estádio".

E MAIS:
> Bota negocia para jogar no Maracanã por dois anos, porém quer mais tempo
> Fluminense anuncia acordo com Consórcio e volta ao Maracanã
> Por perdão de dívidas de clubes, Marin e aliados 'fogem' de Romário

Pesa contra o Botafogo na negociação com o Vasco o fato de os clubes terem se desentendido após o fechamento do Engenhão, quando o Alvinegro recusou a possibilidade de jogar o clássico contra o rival em São Januário. Na época, a impossibilidade de dividir igualmente as torcidas fez o Glorioso se negar a atuar no estádio.

PARA DEPOIS DO CLÁSSICO

Vale lembrar que o Botafogo também está negociando com o Consórcio Maracanã para atuar no local por pelo menos os próximos dois anos. Além disso, o Alvinegro continua estudando a possibilidade de levar partidas do Campeonato Brasileiro para outros estados do Brasil.