icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci e Russel Dias
18/11/2014
21:03

O banco BMG aceitou condições impostas pelo Santos e chegou a um acordo para a compra de 50% dos direitos econômicos do volante Alison, de 21 anos. O Peixe receberá cerca de R$ 4,5 milhões pela operação e seguirá com 20% dos direitos do atleta.O atleta, revelado nas categorias de base do clube, tem contrato até 2017.

Anteriormente, o BMG insistia em comprar os 70% dos direitos de Alison que pertenciam ao Santos, mas o clube não aceitava tal condição, que emperrava o negócio. O banco também propôs o abatimento de uma dívida que tinha referente à venda de 20% do meia Montillo.

Segundo o presidente santista, Odílio Rodrigues, Giuliano Bertolucci, empresário de Alison, também tinha interesse em comprar uma parte do atleta, mas não houve acerto.

– A gente aceita negociar, desde que ele pague o valor que a gente acha que merece – disse, há uma semana.

O estatuto do Peixe proíbe a venda de direitos federativos de jogadores três meses antes da eleição presidencial do clube, mas não é específico quanto a direitos econômicos. O pleito presidencial acontece dia 6.