icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/03/2014
10:15

Silvio Berlusconi está disposto a se desfazer do Milan. Isso é o que indica a emissora norte-americana, Bloomberg, especializada em economia. Segundo a mesma fonte, uma empresa já trabalha como intermediária e enviou informações sobre o clube a possíveis compradores.

Berlusconi está no controle do Milan desde 1986, e 100% das ações do clube pertencem ao seu conglomerado industrial. O magnata italiano é dono também da financeira Fininvest, do grupo de mídia Mediaset e da editra Mondadori.

Apesar do rumor do mercado, a família Berlusconi emitiu nota desmentindo a intenção de negociar o Milan.

- Apesar dos inúmeros desmentidos, voltam a circular rumores sobre uma possível venda do clube. Reiteramos, uma vez mais, que se trata de uma hipótese totalmente infundada - informou o comunicado.

Segundo a revista Forbes, o Milan é o sexto clube mais rico do mundo e o primeiro da Itália. A marca do clube atinge 683 milhões de euros (R$ 2,18 bilhões). Na temporada 2012/13 o seu faturamento alcançou 263,5 milhões de euros (R$ 841,86 milhões).

O movimento de venda de clubes na Itália ganhou força nos últimos anos. Recentemente, a Roma foi adquirida em 2011 pelo norte-americano James Pallotta, e no ano passado o indonésio Erick Thohir comprou a Internazionale.