icons.title signature.placeholder Luiz Gustavo Moreira
12/02/2015
21:02

O atacante Bill disse estar tranquilo e que já recorreu da decisão da Justiça de Bragança Paulista (SP), que decretou a prisão dele. O jogador do Botafogo é acusado de deixar de pagar pensão alimentícia à ex-mulher Sabrina de Oliveira Nascimento e aos dois filhos frutos daquele relacionamento. No entanto, ele garante que quer pagar.

- Eu estou tranquilo. Não muda nada no meu dia a dia. Se fosse para estar preso, eu não estaria dando entrevista. Agora está na mão da Justiça. Eu quero pagar, não fujo da responsabilidade, mas estamos recorrendo com um acordo, depende da Justiça - comentou o atacante alvinegro, durante evento com torcedores do Botafogo na noite desta quinta-feira, em General Severiano.

Bill deu a entende de que o valor da pensão deveria mudar, já que ele recebia um salário maior quando o acordo foi estabelecido.

- Tinha um valor que eu recebia na Arábia Saudita, e pagava. Passei a receber outro quando voltei pro Brasil - comentou.

Bill disse ainda que a ex-mulher não o deixa ver os filhos.