icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese
18/02/2015
07:05

Não há competição com espírito mais aguerrido que a Libertadores. Não há jogador no Corinthians mais guerreiro que Ralf. Não existe melhor palco que a Arena Corinthians, que estará lotada de corintianos às 22h desta quarta, para o duelo contra o São Paulo, pela 1ª rodada da fase de grupos.

– Vai ser como uma batalha – admitiu Ralf, enquanto realizava sessão de fotos para a capa do Diário LANCE!, que o leitor encontra nas bancas ou no LANCE! Digital.

– Guerreiro não sou só eu, mas todos os jogadores do Corinthians. Sempre damos tudo nos treinamentos e nos jogos. Esperamos uma arena cheia para nos apoiar e, acima de tudo, nos ajudar a sair com a vitória – afirmou o volante corintiano.

Líder do Timão aos 30 anos, ele é o mais velho do elenco. Não de idade, mas de história. Ao entrar em campo nesta noite, o jogador completará 300 jogos com a camisa alvinegra. Contratado em 2010, em cincou anos ele já chegou ao “Top 30” dos atletas que mais atuaram pelo clube (lista abaixo), superando Sócrates, que disputou 298 jogos entre 78 e 84.

– Estou muito feliz por alcançar os 300 jogos. Não é uma marca para qualquer um. Ídolos conquistaram essa marca aqui, então prova o quanto é importante. Mas estou focado em fazer um grande jogo para ajudar a equipe a sair com a vitória – disse.


No Corinthians, o Cão de Guarda também pode ser apelidado de “Senhor Libertadores”. Ninguém representou mais o clube do que ele no torneio sul-americano, que deixou de ser a obsessão com o então título inédito e invicto em 2012. Com o jogo de hoje, serão 35 aparições. Ralf atuou em todos os jogos completos desde a edição de 2010 – incluindo 2011, 2012 e 2013 –, só ficando fora por dois minutos na derrota por 1 a 0 para o Boca Juniors, na Bombonera, pelas oitavas de final em 2013. No total, são 3058 minutos em campo.

Depois de passar pelo Once Caldas na primeira fase, com vitória por 4 a 0 em São Paulo e empate em 1 a 1 em Manizales, o Timão inicia, de fato, a corrida pelo bi da Libertadores. Se ser o jogador que mais disputou o torneio pelo clube coloca Ralf no rol dos maiores da história, imagine então com dois canecos continentais no currículo?

+ JOGOS PELA LIBERTADORES NO CORINTHIANS*

Ralf
Volante tem 34 jogos pelo Timão e jogou as edições de 2010, 2011, 2012, 2013 e 2015.

Danilo

Com 32 jogos pelo Timão, meia jogou as edições de 2010, 2011, 2012, 2013 e 2015.

Marcelinho

Ídolo alvinegro tem 31 jogos. Ele participou das edições de 1996, 1999 e 2000.

Jorge Henrique

Atacante realizou 28 jogos pelo Timão: edições de 2010, 2011, 2012 e 2013.

Ricardinho

Meia tem 27 jogos pelo Corinthians no torneio. Jogou em 1999, 2000 e 2006.

+ JOGOS NA HISTÓRIA DO CLUBE*

+ 800

Wladimir (805)

+ 600

Luizinho (606) e Ronaldo (602)

+ 500

Zé Maria (598), Biro-Biro (589), Vaguinho (551), Cláudio (550) e Olavo (506)

+ 400

Rivellino (474), Idário (469), Rafael (451), Roberto Belangero (451), Oreco (409), Wilson Mano (405) e Baltazar (404)

+ 300

Gilmar (395), Tião (367), Servílio (363), Marcelo Djian (342), Tupãzinho (341), Eduardo Amorim (336), Mauro (335), Luís Carlos (333), Cabeção (326), Walmir (312) e Zenon (304)

*Fonte: Almanaque do Timão – aplicativo oficial do Corinthians (Por Celso Unzelte)