icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
28/11/2014
14:36

O Grêmio jogará na 37ª rodada do Campeonato Brasileiro às 19h30 deste domingo, contra o Bahia, em Salvador. Mas pode entrar em campo já sem chances de se classificar para a Libertadores de 2015, a última briga do clube nesta competição. Por isso, o elenco se junta para secar Internacional e Corinthians, que jogam antes. O centroavante Barcos admitiu que os jogos serão acompanhados e vê o Tricolor prejudicado pela arbitragem.

O Pirata fala da situação e cita uma possível "impotência" dos tricolores na rodada, algo que incomodaria sem o objetivo ao final do ano. O Inter joga neste sábado, às 19h30, contra o Palmeiras. E o Timão entra em campo no domingo, às 17h.

- É uma situação ruim, é muito impotente. Pelo que se deu no último jogo, não era o que a gente tinha na cabeça. Mas vamos seguir trabalhando e fazer a nossa parte. E esperar que os outros se equivoquem para conseguir essa vaga - comentou o camisa 9 gremista.

- Com certeza vamos assistir ao jogo de sábado e esperamos poder entrar no jogo ainda com chances. Se não é assim, vamos entrar da mesma forma, temos que tentar ganhar e terminar o ano da melhor maneira - completou o argentino.

A reclamação com relação à arbitragem foi latente por parte do técnico Luiz Felipe Scolari nas últimas rodadas. Mas Barcos crê que o time vem sendo prejudicado ao longo do Brasileiro.

- Falar do outro time é difícil, tenho que me preocupar pelo Grêmio. Temos demasiados problemas. Prejudicados estamos sendo faz tempo, mas falar é difícil, porque fala um pouquinho e fica quatro jogos fora - disse, temendo punição do STJD.