icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/11/2013
15:13

O Barcelona pretende seguir o exemplo do Real Madrid e deve pedir à Fifa uma indenização pela lesão do goleiro Victor Valdés. A entidade vai pagar pelo menos cinco meses de salários do volante Khedira, que se machucou servindo a seleção alemã, e o jogador do Barça fez o mesmo, mas com a Fúria, em partida contra a África do Sul, nesta semana. Mas no caso do catalão, será bem menor, já que ficará fora seis semanas.

Isso é parte de um acordo da Associação de Clubes Europeus (ECA) com a Fifa. Se o jogador se machuca em jogo de sua seleção nacional, a equipe pode acionar a entidade a partir do 28º dia de lesão, e deverá ser indenizada. O calculo será em cima do salário do atleta em questão.

De acordo com a previsão do Barcelona, Valdés vai ficar fora de combate por pelo menos 42 dias. Desta forma, a Fifa será responsável por duas semanas de salários do goleiro.

No caso de Khedira, o caso é bem mais grave. O volante do Real Madrid teve uma lesão complicada e pode ficar ausente por até seis meses. Corre até o risco de ficar fora da Copa do Mundo do Brasil, em 2014.