icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
22/08/2015
18:30

Jogo de seis pontos na Fonte Nova. Bahia e América-MG se enfrentaram buscando se aproximarem ainda mais do Vitória, primeiro colocado da Série B. E na partida em Salvador, prevaleceu o placar de Belo Horizonte, ainda no primeiro turno. O tricolor saiu na frente, mas o Coelho foi buscar o empate no segundo tempo. 1 a 1 placar final.

O jogo

Com o apoio de seu torcedor, o Bahia fez um primeiro tempo de morno para bom, mas o suficiente para sair vencendo o América de forma justa por 1 a 0. O tricolor baiano explorou bastante o setor esquerdo e por lá iniciou a jogada que deu início ao primeiro gol. Após o cruzamento, Gustavo Blanco deixou no jeito para Kieza soltar a bomba e balançar as redes. Mal na partida e sem conseguir organizar jogadas de qualidade, o Coelho também chegaria ao gol na bola parada, mas a arbitragem anulou corretamente o tento de Alison.

Em desvantagem no marcador, o América demorou para dar sua resposta e apresentar um futebol diferente no segundo tempo. Sem conseguir organizar e articular jogadas no meio-campo, o time mineiro passou a depender muito das jogadas individuais do jovem Richarlison ou Marcelo Toscano, que sozinhos não conseguiram resolver. Restou então tentar na base do abafa. E deu certo. No escanteio pela esquerda, Alison se adiantou para cabecear no primeiro poste e empatar o jogo.

Com direito a cinco minutos de acréscimos, a partida ganhou em emoção no apagar das luzes, com boas chances criadas e nervos à flor da pele. Mancini e Robson discutiram dentro de campo e levaram o amarelo. O bate boca não adiantou e os dois acabaram expulsos. A emoção prevaleceu até os últimos minutos, mas o gol da vitória não saiu. Placar final, 1 a 1 na Fonte Nova.

Com o resultado, o Bahia foi aos 34 pontos, mas fica fora do G-4, já que o Sampaio Correa superou o Vitória. Já o América se mantém em terceiro, agora com 35 pontos.

BAHIA 1x1 AMÉRICA-MG
Motivo: 20ª rodada, Brasileiro da Série B
Data/hora: 22/08/2015, às 16h30
Estádio: Arena Fonte Nova, em Salvador

Árbitro: Pablo dos Santos Alves (PB)
Auxiliares: Oberto da Silva Santos (PB) e Luís Filipe Gonçalves Corrêa (PB)

GOLS: Kieza, 27'1ºT (1-0); Alison, 32'2ºT (1-1)
Cartão amarelo: Kieza (BAH), Alison, Raul, Richarlison, João Ricardo (AME)
Cartão vermelho: Robson (BAH) e Mancini (AME).
Público/Renda: 15.803 pagantes, 18.485 presentes/R$481.914,50.

BAHIA: Douglas Pires; Cicinho (Hayner), Robson, Jaílton e Vítor Costa; Pittoni, Souza, Gustavo Blanco (Tiago Real) e Eduardo (Rômulo); Alexandro e Kieza. Técnico: Sérgio Soares.

AMÉRICA-MG: João Ricardo; Robertinho, Alison, Wesley Matos e Raul; Rodrigo Souza (Diego Lorenzi) e Leandro Guerreiro; Tony (André), Mancini; Marcelo Toscano e Richarlison (Henrique Santos). Técnico: Givanildo Oliveira.

Jogo de seis pontos na Fonte Nova. Bahia e América-MG se enfrentaram buscando se aproximarem ainda mais do Vitória, primeiro colocado da Série B. E na partida em Salvador, prevaleceu o placar de Belo Horizonte, ainda no primeiro turno. O tricolor saiu na frente, mas o Coelho foi buscar o empate no segundo tempo. 1 a 1 placar final.

O jogo

Com o apoio de seu torcedor, o Bahia fez um primeiro tempo de morno para bom, mas o suficiente para sair vencendo o América de forma justa por 1 a 0. O tricolor baiano explorou bastante o setor esquerdo e por lá iniciou a jogada que deu início ao primeiro gol. Após o cruzamento, Gustavo Blanco deixou no jeito para Kieza soltar a bomba e balançar as redes. Mal na partida e sem conseguir organizar jogadas de qualidade, o Coelho também chegaria ao gol na bola parada, mas a arbitragem anulou corretamente o tento de Alison.

Em desvantagem no marcador, o América demorou para dar sua resposta e apresentar um futebol diferente no segundo tempo. Sem conseguir organizar e articular jogadas no meio-campo, o time mineiro passou a depender muito das jogadas individuais do jovem Richarlison ou Marcelo Toscano, que sozinhos não conseguiram resolver. Restou então tentar na base do abafa. E deu certo. No escanteio pela esquerda, Alison se adiantou para cabecear no primeiro poste e empatar o jogo.

Com direito a cinco minutos de acréscimos, a partida ganhou em emoção no apagar das luzes, com boas chances criadas e nervos à flor da pele. Mancini e Robson discutiram dentro de campo e levaram o amarelo. O bate boca não adiantou e os dois acabaram expulsos. A emoção prevaleceu até os últimos minutos, mas o gol da vitória não saiu. Placar final, 1 a 1 na Fonte Nova.

Com o resultado, o Bahia foi aos 34 pontos, mas fica fora do G-4, já que o Sampaio Correa superou o Vitória. Já o América se mantém em terceiro, agora com 35 pontos.

BAHIA 1x1 AMÉRICA-MG
Motivo: 20ª rodada, Brasileiro da Série B
Data/hora: 22/08/2015, às 16h30
Estádio: Arena Fonte Nova, em Salvador

Árbitro: Pablo dos Santos Alves (PB)
Auxiliares: Oberto da Silva Santos (PB) e Luís Filipe Gonçalves Corrêa (PB)

GOLS: Kieza, 27'1ºT (1-0); Alison, 32'2ºT (1-1)
Cartão amarelo: Kieza (BAH), Alison, Raul, Richarlison, João Ricardo (AME)
Cartão vermelho: Robson (BAH) e Mancini (AME).
Público/Renda: 15.803 pagantes, 18.485 presentes/R$481.914,50.

BAHIA: Douglas Pires; Cicinho (Hayner), Robson, Jaílton e Vítor Costa; Pittoni, Souza, Gustavo Blanco (Tiago Real) e Eduardo (Rômulo); Alexandro e Kieza. Técnico: Sérgio Soares.

AMÉRICA-MG: João Ricardo; Robertinho, Alison, Wesley Matos e Raul; Rodrigo Souza (Diego Lorenzi) e Leandro Guerreiro; Tony (André), Mancini; Marcelo Toscano e Richarlison (Henrique Santos). Técnico: Givanildo Oliveira.