icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/07/2013
17:07

O volante Fabrício já tem motivo suficiente para aprovar a chegada de Paulo Autuori ao São Paulo. Afastado pelo ex-técnico Ney Franco, o atleta foi reintegrado ao elenco são-paulino após pedido do novo comandante, conforme comunicado pelo diretor de futebol Adalberto Baptista, na coletiva de apresentação do treinador.

- Sobre o Fabrício, a direção já sabe minha posição, tomei a posição, mas prefiro que eles possam responder isso - disse Autuori, antes de comandar seu primeiro treino no CT da Barra Funda.

Fabrício, inclusive, já realizou nesta quinta-feira seu primeiro treino com o restante do grupo depois do afastamento. Com dificuldades para achar o portão de entrada para o campo em razão do grande número de jornalistas presentes, brincou:

- Tanto tempo afastado que já nem sei mais onde é o portão (risos).

O volante chegou ao Morumbi no início de 2012, mas as seguidas lesões impediram que ele tivesse sequência na equipe. Nesta temporada, o jogador atuou em algumas partidas pelo Paulistão e, inclusive, na Libertadores, mas não agradou a Ney Franco, que pediu o afastamento do atleta por acreditar que ele era má influência dentro do grupo.

Sem pompa, Autuori chega já treina a equipe tricolor

VEJA IMAGENS DA PRIMEIRA PASSAGEM DE AUTUORI NO SÃO PAULO:

Fotos: Arquivo LANCE!

O volante Fabrício já tem motivo suficiente para aprovar a chegada de Paulo Autuori ao São Paulo. Afastado pelo ex-técnico Ney Franco, o atleta foi reintegrado ao elenco são-paulino após pedido do novo comandante, conforme comunicado pelo diretor de futebol Adalberto Baptista, na coletiva de apresentação do treinador.

- Sobre o Fabrício, a direção já sabe minha posição, tomei a posição, mas prefiro que eles possam responder isso - disse Autuori, antes de comandar seu primeiro treino no CT da Barra Funda.

Fabrício, inclusive, já realizou nesta quinta-feira seu primeiro treino com o restante do grupo depois do afastamento. Com dificuldades para achar o portão de entrada para o campo em razão do grande número de jornalistas presentes, brincou:

- Tanto tempo afastado que já nem sei mais onde é o portão (risos).

O volante chegou ao Morumbi no início de 2012, mas as seguidas lesões impediram que ele tivesse sequência na equipe. Nesta temporada, o jogador atuou em algumas partidas pelo Paulistão e, inclusive, na Libertadores, mas não agradou a Ney Franco, que pediu o afastamento do atleta por acreditar que ele era má influência dentro do grupo.

Sem pompa, Autuori chega já treina a equipe tricolor

VEJA IMAGENS DA PRIMEIRA PASSAGEM DE AUTUORI NO SÃO PAULO:

Fotos: Arquivo LANCE!