icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2013
01:28

O técnico Paulo Autuori lamentou a derrota por 2 a 0 para o Corinthians, nesta quarta-feira, no jogo de volta da Recopa Sul-Americana, no estádio do Pacaembu. Por conta da maratona de partidas, o comandante tricolor acredita na reabilitação por meio de conversas.

- O lance agora é o seguinte: não há tempo para trabalho, treinamento, e ele é importante. Eu particularmente valorizo muito o treino. Obviamente, em um momento desses, na situação que vivemos, fica difícil, vai ter que ser na conversa. Sábado já tem jogo, por exemplo, e não há nada a fazer a não ser tentar ajustar as coisas na conversa. Treino nesse momento não é possível - declarou o treinador, durante entrevista coletiva, no estádio do Pacaembu.

No próximo sábado, o São Paulo encara o Cruzeiro, no Morumbi. Por conta da disputa da Copa Suruga, na quarta-feira, em jogo antecipado da 12ª rodada, o Tricolor enfrenta o Internacional, em casa. No dia 31 de julho, ainda buscará os três pontos diante do Náutico, fora de casa. Em seguida, viaja para os compromissos na Audi Cup, na Eusébio Cup e na própria Suruga.

Autuori ainda fez questão de enaltecer o adversário, que conquistou o título inédito da Recopa Sul-Americana, e pontuou alguns erros da equipe na decisão.

- Não tem o que explicar, quando reconheci aqui a superioridade do advesário é isso. Faltou exatamente isso, agressividade, capacidade de jogar no campo do adversário, aceitar a pressão adversária. Isso tem seus motivos, isso vai ser discutido com eles - completou.

Autuori exalta conquista do rival e não pensa em reforços ainda


O técnico Paulo Autuori lamentou a derrota por 2 a 0 para o Corinthians, nesta quarta-feira, no jogo de volta da Recopa Sul-Americana, no estádio do Pacaembu. Por conta da maratona de partidas, o comandante tricolor acredita na reabilitação por meio de conversas.

- O lance agora é o seguinte: não há tempo para trabalho, treinamento, e ele é importante. Eu particularmente valorizo muito o treino. Obviamente, em um momento desses, na situação que vivemos, fica difícil, vai ter que ser na conversa. Sábado já tem jogo, por exemplo, e não há nada a fazer a não ser tentar ajustar as coisas na conversa. Treino nesse momento não é possível - declarou o treinador, durante entrevista coletiva, no estádio do Pacaembu.

No próximo sábado, o São Paulo encara o Cruzeiro, no Morumbi. Por conta da disputa da Copa Suruga, na quarta-feira, em jogo antecipado da 12ª rodada, o Tricolor enfrenta o Internacional, em casa. No dia 31 de julho, ainda buscará os três pontos diante do Náutico, fora de casa. Em seguida, viaja para os compromissos na Audi Cup, na Eusébio Cup e na própria Suruga.

Autuori ainda fez questão de enaltecer o adversário, que conquistou o título inédito da Recopa Sul-Americana, e pontuou alguns erros da equipe na decisão.

- Não tem o que explicar, quando reconheci aqui a superioridade do advesário é isso. Faltou exatamente isso, agressividade, capacidade de jogar no campo do adversário, aceitar a pressão adversária. Isso tem seus motivos, isso vai ser discutido com eles - completou.

Autuori exalta conquista do rival e não pensa em reforços ainda