icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/02/2015
19:31

David Braz comemora gol da vitória do Peixe (FOTO: Ivan Storti) 

Aos nove minutos do segundo tempo em São Bernardo Campo saiu o gol da vitória santista. Cruzamento perfeito do lateral Chiquinho e cabeçada do zagueiro-artilheiro David Braz. A dupla, responsável pela vitória, ficou com a melhor nota da partida segundo avaliação do LANCE!Net: 7,0. Além deles, apenas outros dois defensores tiveram avaliação acima da média, o goleiro Vanderlei e o zagueiro Werley. Confira abaixo o desempenho de cada um dos envolvidos na partida deste sábado: 

E MAIS: 
>  Ô 'abraz-alas'! Zagueiro marca, Santos vence São Bernardo e segue invicto
> Robinho rechaça folia e diz que Santos precisa 'finalizar com mais capricho'

SÃO BERNARDO

5,5
Daniel
Não teve culpa no gol. Quando a bola chegou pelo alto, fez bom trabalho.

5,5
Rafael Cruz
Vacilou em algumas bolas na defesa. No ataque, tentou.

6,5
Diego Jussane
Bom zagueiro. Mostrou seriedade e bom posicionamento.

6,0
Luciano Castán
Ótimo tempo de bola, com desarmes providenciais.

5,5
Vicente
Correu, se esforçou, mas não concluiu no ataque. Atrás foi bem.

5,5
Daniel Pereira
Ajudou a defesa, mas demorou muito para soltar a bola. Posicionou-se bem e conseguiu desarmes.

5,0
Carlinhos
Participou pouco da partida. Foi esforçado, se movimentou, mas falhou na hora dos passes curtos.

6,5
Marino
Jogador interessante. Marca com muita força e sai ao ataque com velocidade. Assustou em chute de longe.

5,0
Magal
Falhou em excesso. Atacante veloz pelas pontas, se precipitou no momento de finalizar e atacar.

5,0
Cañete
Começou bem a partida, mas depois acabou sumindo do jogo. Chamou o jogo e errou passes decisivos.

5,5
Lúcio Flávio
Voltou para marcar e buscar o jogo que não estava chegando até ele. Foi perigoso pelo alto de longe.

5,0
Vanger
Entrou para reforçar o ataque. Não conseguiu melhorar o time.

4,5
Jean Carlos
Implantou velocidade, mas sem inteligência. Só correu.

5,5
Maikon
Quase empatou em cabeçada. Mostrou boa movimentação.

5,5
Edson Boaro
Acertou em congestionar o meio do time, e focar na marcação. Mexeu após o gol, mas perdeu.

SANTOS

6,5
Vanderlei
Nas saídas do gol foi seguro e mostrou bom tempo de bola. Na segunda etapa, quando foi exigido, fez defesa providencial.

5,0
Victor Ferraz
Apenas se preocupou em marcar. Tímido para atacar, subiu para apoiar duas vezes. Deixou alguns espaços pelo lado direito.

6,5
Werley
Zagueiro atuou de forma séria. Pelo alto, ganhou todas que disputou. No chão, fez bons desarmes. Soube cobrir Victor Ferraz.

7,0
David Braz
Assim como Werley, atrás fez seu papel e cobriu bem o lado esquerdo. No ataque, foi decisivo e marcou em cabeçada fatal.

7,0
Chiquinho
Ao contrário de Victor Ferraz, Chiquinho subiu constantemente ao ataque. Foi dele o passe para o gol de David Braz.

5,5
Renato
Mostrou segurança à frente da zaga. Entretanto, deixou por vezes Cañete receber livre e pensar. Só toque de lado.

5,5
Leandrinho
Na marcação, foi bem. Conseguiu ajudar Renato no meio. Por ser segundo volante, deixou a desejar nas saídas de jogo.

6,0
Lucas Lima
Movimentou-se, correu, chamou o jogo, mas estava muito marcado. Na segunda etapa melhorou e foi mais objetivo.

6,0
Geuvânio
Puxou contra-ataques, errou no passe final. Na segunda etapa, carimbou a trave de Daniel, em lindo chute de primeira.

5,0
Robinho
Atacante foi irreconhecível. Apagado na ponta esquerda, errou passes. Quando teve sua chance, chutou torto, muito longe.

5,0
Ricardo Oliveira
Perdeu gol incrível na primeira etapa, livre e cara a cara com goleiro. Movimentou-se, mas foi pouco para um centroavante.

6,0
Elano
Ajudou o Santos a melhorar a saída de bola. Não utilizou sua boa finalização na partida e na defesa não brincou.

5,5
Marquinhos Gabriel
Deu um desafogo para o Santos, já que substituiu Ricardo Oliveira, que estava muito parado. Tentou chutes de longe.


Lucas Otávio
Entrou nos minutos finais da partida. Pouco participou do confronto, portanto fica sem nota.

6,0
Enderson Moreira
Montou boa equipe no ataque e defesa, mas viu volantes não ajudarem na saída de bola. Substituiu certo no segundo tempo.