icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/11/2014
22:08

Neste sábado, o Fluminense venceu o Goiás por 2 a 0, no Serra Dourada, e entrou no G4 do Campeonato Brasileiro, assumindo a terceira colocação. O triunfo começou com gol histórico de Fred, que chegou à marca de 100 na história da competição nacional. Porém, o destaque da noite foi outro. Com atuação de maestro, comandando o meio do Tricolor Carioca, Conca ainda fechou o marcador, obtendo a maior nota entre os jogadores que participaram da partida. Confira, a seguir, a avaliação feita pelo LANCE!Net:

FLUMINENSE, por Eduardo Mendes (eduardomendes@lancenet.com.br)

6,5
Diego Cavalieri
Fez boas defesas em dois chutes cruzados do Goiás, garantindo a vitória do Fluminense.

5,5
Bruno
Priorizou a marcação e só avançou quando Jean se aproximou para tabelar e, depois, ajudar na recomposição.

6,5
Elivélton
Eficiente no jogo aéreo e também no combate fora da área, mostrando tempo de bola.

7,0
Guilherme Mattis
Não inventou. Deu chutão quando preciso e salvou uma bola em cima da linha. Mostrou segurança.

6,0
Chiquinho
Foi à linha de fundo, deu opção de tabela, mas deixou muitos espaços atrás. No fim, assistência para Conca.

5,0
Edson
Discreto. Ficou mais preso atrás para liberar Jean. Faltou cobertura do lado esquerdo quando Chiquinho avançou.

6,5
Jean
Teve espaços para avançar e, em certo momentos, funcionou como armador. Deu passe para Fred marcar.

7,5
Conca
Principal articulador do Flu, criou boas chances com bolas por trás da defesa do Goiás e definiu o jogo no fim.

6,5
Wágner
Não foi tão eficiente quando Conca, mas participou das jogadas do ataque e ajudou na recomposição.

4,0
Walter
Encalhado na área do Goiás, nada fez. Pouco acionado, ficou totalmente estático, facilitando a marcação.

6,5
Fred
Bem posicionado, aproveitou para marcar na melhor bola recebida por ele na partida.

5,0
Rafael Sobis
Deveria ter dado velocidade aos contra-ataques, mas pouco apareceu no jogo.

5,0
Diguinho
Entrou para ajudar Edson na marcação e garantir a vitória no Serra Dourada.

6,0
Kenedy
Entrou no fim, mas teve tempo de iniciar a jogada que resultou no segundo gol do Fluminense.

7,0
Cristovão Borges
A equipe foi efetiva nas jogadas rápidas tramadas pela linha de frente, sabendo definir a partida, apesar de alguns sustos.

GOIÁS, por Eduardo Mendes (eduardomendes@lancenet.com.br)

6,0
Renan
Sem culpa nos gols.

4,5
Moises
Deu opção pela direita, mas errou demais o passe final e os cruzamentos.

5,5
Jackson
Bem no jogo aéreo.

5,0
Pedro Henrique
Foi mal no combate fora da área.

5,0
Lima
Tímido, encontrou dificuldades para superar Bruno quando tentou apoiar.

5,5
Amaral
Fez a proteção à frente da zaga, liberando David e os meias.

5,5
David
Tentou levar perigo em chutes de fora da área.

6,0
Thiago Mendes
Deu velocidade na saída de bola e apareceu bem no ataque.

6,0
Esquerdinha
Principal responsável pela criação do jogo do Goiás.

4,0
Bruno Mineiro
Na única oportunidade, desperdiçou gol quando esteve na frente de Cavalieri.

5,5
Erik
Conseguiu jogar quando caiu pela direita, onde foi menos marcado.

5,0
Murilo
Movimentou-se mais que Bruno Mineiro, mas não recebeu bola em condição de marcar.

4,5
Felipe Saturnino
Pouco acrescentou ao time.

5,0
Tiago Real
Tirou velocidade do time.

5,0
Ricardo Drubscky
A equipe não soube definir o jogo quando teve chances.