icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2014
19:29

O São Paulo derrotou o Santos por 1 a 0, em Cuiabá, e se viu a chance de título ir para o espaço com o triunfo do Cruzeiro sobre o Goiás teve como contrapeso a classificação antecipada para a próxima Libertadores, O gol da vitória foi marcado pelo garoto Boschilia, que acabou recebendo a melhor avaliação do LANCE!Net. O Peixe, por sua vez, completou nove jogos sem vencer no ano e segue cumprindo tabela. Na equipe, Aranha, Robinho e Neto se destacaram. 


Boschilia fez o gol do triunfo tricolor (FOTO: Rubens Chire/AE)

SANTOS, por Murilo Dias (murilodias@lancenet.com.br)

6,0
Aranha
Nas poucas vezes que precisou, fez boas defesas. No gol do São Paulo, não tinha o que fazer.

4,5
Cicinho
Errou tudo que tentou no ataque. Na defesa, apesar de bem nos desarmes, falhou feio no gol.

5,0
Edu Dracena
Lento, perdeu quase todas as disputas com o ataque tricolor. O gol de Boschilia é um exemplo.

6,0
Neto
O zagueiro não cometeu erros graves, mas abusou de chutões. Apenas regular no jogo.

5,5
Caju
Sumido no primeiro tempo, tanto na defesa quanto no ataque. Sua camisa pouco foi vista em campo.

5,5
Alison
Teve pouco trabalho na marcação, mas não mostrou o melhor futebol de sua vida no clássico de ontem.

5,5
Arouca
Apesar de ser um ponto seguro no meio campo santista, errou alguns passes importantes ontem.

5,0
Souza
Acha que é nota 10, mas é apenas nota 5. Tenta muito mais do que sua habilidade permite. Errou demais.

5,0
Lucas Lima
Estava acostumado a jogar bem e se destacar. Vimos o oposto. Produziu muito pouco no clássico.

6,0
Robinho
Foi o principal jogador do Santos, no entanto segurou muito a bola. Foi fominha quando não poderia ser.

5,0
Gabriel
Apareceu em poucas oportunidades na primeira etapa e não assustou. Mereceu sair no intervalo.

6,0
Geuvânio
Entrou e fez mais que Gabriel. Teve duas chances de gol, mas esbarrou na trave e na falta de pontaria.

5,0
Thiago Ribeiro
Ao contrário de Geuvânio, não aproveitou sua entrada para ajudar o Santos. Pouco tocou na bola.

5,5
Leandro Damião
Só Enderson viu motivos para tirar Robinho e colocar Damião. Novamente decepcionou a torcida.

5,0
Enderson Moreira
Sua equipe não teve padrão tático no primeiro tempo, mas melhorou com as mudanças no intervalo.

E MAIS: 
> Reservas do São Paulo batem o Santos e carimbam vaga na Libertadores 
> Veja como foi a partida lance a lance em Cuiabá 

São Paulo, por Diogo Sautchuck (diogosautchuk@lancenet.com.br)

6,5
Rogério Ceni
Começou a ter trabalho após o gol de Boschilia. Quando foi exigido, interviu com muita segurança.

6,0
Paulo Miranda
Selecionado pelo lado direito para marcar, fez o seu papel muito bem. Quase marcou em cabeçada.

5,5
Edson Silva
Cobriu bem o lado esquerdo, ajudando Reinaldo na marcação. Falhou em lance quase fatal.

6,0
Antonio Carlos
Assim como o companheiro de defesa, foi fundamental atrás. Caiu bem nas costas de Paulo Miranda.

6,5
Reinaldo
Não tomou nenhuma bola nas costas. Soube se posicionar. Apoiou por vezes o ataque pela lateral.

6,0
Auro
Correu bastante, se movimentou da mesma maneira. Improvisado, não foi brilhante, mas ajudou.

6,5
Hudson
Foi quem correu atrás de Lucas Lima e por vezes saiu no combate de Robinho. Fez um bom duelo.

7,0
Boschilia
Não foi tão bem, mas quando teve a chance, chutou cruzado e marcou o dele.

5,5
Ademilson
Solidário para ajudar lado direito na marcação. Na frente assustou uma única vez. Foi pouco.

5,0
Osvaldo
Errou muito durante todo o confronto. Foi esforçado, mas não estava em um dia inspirado.

5,5
Alexandre Pato
No papel de centroavante, saiu por vezes para buscar bola. Deu boas arrancadas, mas errou no ato final.

5,5
Luis Fabiano
Manteve o nível de Alexandre Pato. Tocou pouco na bola e brigou bastante. Não foi perigoso.

5,5
Denilson
Com a pressão do Santos após o gol, entrou para fechar a casa são-paulina. Ficou fixo sem subir.

7,0
Muricy Ramalho
Soube anular Robinho, Lucas Lima e Gabigol, acabando com o setor de ataque santista. Acertou no meio.