icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/07/2013
12:49

Depois da análise da contraprova (teste B), a Agência Americana Antidoping (USADA) confirmou o doping do velocista americano Tyson Gay, flagrado no exame em maio.

- Podemos confirmar que o exame B do controle efetuado a Tyson Gay ratifica os resultados anômalos da primeira - declarou Travis Tygart, diretor-executivo da USADA.

No dia 14 de julho, a agência já havia comunicado o atleta sobre o resultado positivo do primeiro exame, tirando o principal adversário de Usain Bolt da disputa do Mundial de Atletismo, em Moscou (RUS).

Apesar da confirmação, Tyson Gay afirmou que não houve sabotagem e que foi instruído ao inserir a substância, ainda não divulgada.

Tyson Gay é triplo campeão do mundo em 2007, quando venceu as provas de 100m, 200m e revezamento 4x 100m. Em 2010, ele venceu o jamaicano Usain Bolt nos 100m na etapa da Liga Diamante.

Depois da análise da contraprova (teste B), a Agência Americana Antidoping (USADA) confirmou o doping do velocista americano Tyson Gay, flagrado no exame em maio.

- Podemos confirmar que o exame B do controle efetuado a Tyson Gay ratifica os resultados anômalos da primeira - declarou Travis Tygart, diretor-executivo da USADA.

No dia 14 de julho, a agência já havia comunicado o atleta sobre o resultado positivo do primeiro exame, tirando o principal adversário de Usain Bolt da disputa do Mundial de Atletismo, em Moscou (RUS).

Apesar da confirmação, Tyson Gay afirmou que não houve sabotagem e que foi instruído ao inserir a substância, ainda não divulgada.

Tyson Gay é triplo campeão do mundo em 2007, quando venceu as provas de 100m, 200m e revezamento 4x 100m. Em 2010, ele venceu o jamaicano Usain Bolt nos 100m na etapa da Liga Diamante.