icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
20/11/2014
21:56

Na saída do gramado, os jogadores da Chapecoense utilizaram um tom de cautela após a goleada por 4 a 1 obtida sobre o Fluminense, nesta quinta-feira, em pleno Maracanã. Artilheiro da noite, com dois gols, Bruno Silva afirmou que a atuação deve ser utilizada como exemplo para a reta final do Brasileirão.

- O bicho está pegando ainda! Não tem nada ganho. Temos de continuar e fazer esta vitória servir de base para nossas últimas três rodadas - afirmou à Rádio Super Condá.

O volante rechaçou o rótulo de herói do Verdão do Oeste no Maraca:

- O grupo todo correu, lutou, está todo mundo de parabéns. Não podemos dar bobeira contra um time grande como o Fluminense. Pude ter tranquilidade para definir na hora, mas, como diz o Tiago (Luís), aqui tem de ser homem de verdade.

O atacante Tiago Luís pediu para a equipe voltar suas atenções para o confronto com o Botafogo, domingo, na Arena Condá:

- Como dizia meu pai, a gente respira sem aparelho. Agora, é jogar bem em casa e buscar os três pontos.

Douglas Grolli valorizou a maneira como a Chape não se abateu mesmo após a demissão de Jorginho:

- A gente vinha de uma semana muito ruim, mas conseguiu escrever uma história importante aqui no Maracanã. Vamos lutar até o fim, tentar fazer o melhor possível, em especial neste confronto direto (contra o Botafogo).

A Chapecoense receberá o Botafogo pela 36ª rodada do Brasileirão no domingo, às 19h30.