icons.title signature.placeholder Felipe Lucena
icons.title signature.placeholder Felipe Lucena
04/07/2013
13:33

"Posso jogar como atacante caindo pelos lados, ou como meia. Espero ser útil onde decidirem me escalar". Com essas frases, dita em sua coletiva de apresentação, realizada na manhã desta quinta-feira, em São Januário, o atacante Reginaldo destacou sua polivalência, adquirida nos 14 anos que passou na Itália.

- Eu venho jogando mais pelas laterais, mas o tempo que fiquei na Itália eu joguei em todas as posições do ataque. Posso atuar como atacante caindo pelos lados, ou como meia. Espero ser útil onde decidirem me escalar - disse o jogador

As palavras com um leve sotaque italiano sublinham a resposta sobre a readaptação ao futebol brasileiro. Depois de mais de dez anos atuando na Europa, o atacante destacou que precisará de um certo tempo para se acostumar outra vez com o estilo tupiniquim de jogar.

Reginaldo foi apresentado nesta quinta (Foto: Bruno de Lima/LANCE!Press)

LEIA TAMBÉM
- Elsinho comenta chegada de reforços: 'Quem vier será bem recebido'
- Paulo Autuori muda e monta Vasco titular sem Carlos Alberto

ASSISTA
- Volta? Repórter fala do futuro de Juninho após sair do Red Bulls

- Eu só fiquei parado 15 dias. Acho que estou em uma boa condição. Não espero demorar muito para estar à disposição do time logo. E sobre o estilo de jogo, vou me acostumando aos poucos, durante o trabalho. Na Itália, trabalham muito a parte tática - frisou.

O diretor executivo do clube, Ricardo Gomes, também deu ênfase ao estilo de jogo do reforço, que pode ser utilizado em mais de um setor do campo.

- É um jogador que pode ser atacante, meia ou atacante pelo lado do campo. Pode ser um meia que joga aberto. Mais uma opção para o Paulo. Não é um goleador. É um atacante de corredor, como se fala em italiano - afirmou.

Reginaldo, que tem 29 anos, chega para disputar vaga com mais oito atacantes no elenco cruz-maltino. No futebol italiano, o jogador defendeu camisas como a do Parma e da Fiorentina.

"Posso jogar como atacante caindo pelos lados, ou como meia. Espero ser útil onde decidirem me escalar". Com essas frases, dita em sua coletiva de apresentação, realizada na manhã desta quinta-feira, em São Januário, o atacante Reginaldo destacou sua polivalência, adquirida nos 14 anos que passou na Itália.

- Eu venho jogando mais pelas laterais, mas o tempo que fiquei na Itália eu joguei em todas as posições do ataque. Posso atuar como atacante caindo pelos lados, ou como meia. Espero ser útil onde decidirem me escalar - disse o jogador

As palavras com um leve sotaque italiano sublinham a resposta sobre a readaptação ao futebol brasileiro. Depois de mais de dez anos atuando na Europa, o atacante destacou que precisará de um certo tempo para se acostumar outra vez com o estilo tupiniquim de jogar.

Reginaldo foi apresentado nesta quinta (Foto: Bruno de Lima/LANCE!Press)

LEIA TAMBÉM
- Elsinho comenta chegada de reforços: 'Quem vier será bem recebido'
- Paulo Autuori muda e monta Vasco titular sem Carlos Alberto

ASSISTA
- Volta? Repórter fala do futuro de Juninho após sair do Red Bulls

- Eu só fiquei parado 15 dias. Acho que estou em uma boa condição. Não espero demorar muito para estar à disposição do time logo. E sobre o estilo de jogo, vou me acostumando aos poucos, durante o trabalho. Na Itália, trabalham muito a parte tática - frisou.

O diretor executivo do clube, Ricardo Gomes, também deu ênfase ao estilo de jogo do reforço, que pode ser utilizado em mais de um setor do campo.

- É um jogador que pode ser atacante, meia ou atacante pelo lado do campo. Pode ser um meia que joga aberto. Mais uma opção para o Paulo. Não é um goleador. É um atacante de corredor, como se fala em italiano - afirmou.

Reginaldo, que tem 29 anos, chega para disputar vaga com mais oito atacantes no elenco cruz-maltino. No futebol italiano, o jogador defendeu camisas como a do Parma e da Fiorentina.