icons.title signature.placeholder Bruno Giufrida
10/11/2013
12:42

O Santos jogou duas vezes nessa temporada no “novo” Maracanã: na vitória por 2 a 0 contra o Fluminense, em agosto, e na derrota por 2 a 1 para o Flamengo, em setembro. Arouca, porém, não participou de nenhum dos confrontos, por conta de uma lesão muscular que o tirou de algumas partidas no ano.

Carioca nascido na cidade de Duas Barras, a 180 quilômetros da capital, o jogador foi revelado pelo Flu e atuou muitas vezes no estádio, mas antes da modernização. Neste domingo, será titular do Santos contra o Vasco, às 19h30.

– Estou bem ansioso para vê-lo, ainda não pude estrear lá depois da reabertura. Voltar lá em um palco em que fiz muitos jogos, gols, será importante para relembrar o momento bom que tive no Fluminense. Agora estou no Santos e espero que a gente saia de lá com a vitória, que seja uma partida de felicidade.

Uma das principais lembranças do volante no estádio foi pelo clube tricolor. Em 2005, o clube enfrentou o mesmo Vasco na semifinal da Taça Rio no Maraca. Após o 1 a 1 no tempo normal, vitória por 8 a 7 nos pênaltis. Com um gol de Arouca, que acabaria campeão carioca contra o Volta Redonda, dias mais tarde.

– Acredito que o Maracanã vai estar lotado pelos torcedores do Vasco, mas vamos buscar o resultado positivo para surpreendê-los – disse ele.

Com dois gols pelo Peixe, Arouca é um dos atletas que mais vestiu a camisa santista no elenco, com 206 partidas. Ele está no clube desde 2010.