icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/06/2014
19:13

De olho no jogo contra a Bósnia, o técnico argentino Alejandro Sabella tentou esconder as possíveis formações para a estreia dos hermanos e fechou o treinamento desta sexta-feira, na Cidade do Galo. A atividade foi flagrada por jornalistas que puderam comprovar a mudança no esquema tático e a escalação de Maxi Rodriguez e Hugo Campagnaro entre os titulares. Sendo assim, Lavezzi e Fernando Gago saíram da equipe. A formação mudou do 4-3-3 para o 5-3-2 e é teoricamente mais defensiva, mas tem como objetivo dar liberdade para os laterais Zabaleta e Rojo avançarem.

A comissão técnica albiceleste resolveu abrir somente os primeiros 15 minutos da atividade para que os jornalistas pudessem fazer imagens. Durante esse período, os jogadores fizeram apenas aquecimento, a clássica roda de bobo e foram divididos aleatoriamente para trabalho técnico. O técnico Sabella treinou exaustivamente jogadas de bola parada, mostrando grande preocupação com o jogo aéreo dos rivais.

L!TV:
> Com festival de gols anulados, México supera Camarões 

Sabella escalou a Argentina com Romero, Zabaleta, Campagnaro, Fernandez, Garay e Rojo; Mascherano, Maxi Rodriguez e Di María; Messi e Agüero. Lavezzi e Higuaín ficaram entre os reservas. O jogador do Napoli fez o papel de Edin Dzeko, principal atacante da Bósnia, jogando como centroavante fixo, fazendo o pivô puxando a marcação e aproveitando as jogadas aéreas.

Na entrevista coletiva, Federico Fernandez falou sobre o treinamento desta sexta e não confirmar com qual sistema tático os argentinos vão estrear na Copa do Mundo.

- Treinamos os dois esquemas, não há nada confirmado. É uma alternativa para Alejandro, e é ele quem decide. Seguramente, no 4-3-3 o potencial ofensivo fica maior. Essa é uma pergunta para o treinador.

O último jogo com o novo esquema terminou com vitória por 2 a 0 sobre a própria Bósnia, em amistoso jogado nos Estados Unidos. A seleção não contou com a presença de Lionel Messi, lesionado, e Sabella escalou a Argentina com Romero, Zabaleta, Basanta, Fernandez, Otamendi e Rojo; Mascherano, Maxi e Di María; Palacio e Agüero. Kun foi fez os dos dois gols da partida.

A delegação argentina embarca para o Rio de Janeiro às 18h30 e treina na noite de sábado no Maracanã. O confronto com a Bósnia está marcado para às 19h do domingo. A argentina não tem nenhum desfalque importante para o jogo, somente o reserva Palacios que não estará apto para jogar na estreia.