icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/07/2013
20:05

O caso mais famoso de clonagem é o da ovelha Dolly. Primeiro mamífero a ser clonado, foi notícia pelo mundo inteiro, até sua morte, em fevereiro de 2003. Apesar da comoção com o avanço da ciência, clonar seres humanos é terminantemente proibido. Para a CBF, no entanto, parece haver alguma contradição. Pois se o árbitro Flávio Henrique Coutinho Teixeira, de Minas Gerais, não tem um indivíduo à sua imagem e semelhança, com as mesmas características genéticas, ele terá que estar em dois lugares ao mesmo tempo. Literalmente.

O juiz mineiro, segundo divulgado pela entidade máxima do futebol brasileiro, esta na escala do próximo sábado, na Série D do Campeonato Brasileiro, para figurar em duas partidas diferentes. Às 16h, estará em Minas Gerais para Araxá x Resende, pelo grupo A6 da Série D. Uma hora depois, não se sabe como, terá que estar em São Paulo para ser o árbitro principal de Botafogo-SP x J. Malucelli.

Segundo o site do canal "ESPN", a assessoria da CBF disse que iria informar o presidente da Comissão de Arbitragem, Sérgio Corrêa, do ocorrido.


O caso mais famoso de clonagem é o da ovelha Dolly. Primeiro mamífero a ser clonado, foi notícia pelo mundo inteiro, até sua morte, em fevereiro de 2003. Apesar da comoção com o avanço da ciência, clonar seres humanos é terminantemente proibido. Para a CBF, no entanto, parece haver alguma contradição. Pois se o árbitro Flávio Henrique Coutinho Teixeira, de Minas Gerais, não tem um indivíduo à sua imagem e semelhança, com as mesmas características genéticas, ele terá que estar em dois lugares ao mesmo tempo. Literalmente.

O juiz mineiro, segundo divulgado pela entidade máxima do futebol brasileiro, esta na escala do próximo sábado, na Série D do Campeonato Brasileiro, para figurar em duas partidas diferentes. Às 16h, estará em Minas Gerais para Araxá x Resende, pelo grupo A6 da Série D. Uma hora depois, não se sabe como, terá que estar em São Paulo para ser o árbitro principal de Botafogo-SP x J. Malucelli.

Segundo o site do canal "ESPN", a assessoria da CBF disse que iria informar o presidente da Comissão de Arbitragem, Sérgio Corrêa, do ocorrido.