icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
10/03/2014
20:10

O árbitro Luiz Flávio de Oliveira relatou na súmula do duelo entre Corinthians e São Paulo, no último domingo, no Pacaembu, a expulsão do técnico corintiano Mano Menezes, no fim do primeiro tempo.

Segundo Oliveira, o treinador reclamou de um tiro de meta contra a própria equipe e usou a expressão "Ele está de sacanagem, não marca uma para nós".

"Expulsei aos 44' o sr. Luiz Antonio Venker Menezes, técnico da equipe do Sport Club Corinthians Paulista, por reclamar acintosamente com gestos de uma marcação de tiro de meta contra a sua equipe e com as seguintes palavras: 'Ele está de sacanagem, não marca uma para nós'. O mesmo já havia sido advertido verbalmente", diz o relato na súmula.

Após a derrota por 3 a 2 para o rival, em entrevista coletiva no Pacaembu, Mano justificou seu descontentamento e disse que o árbitro não estava apitando de maneira igual para as duas equipes.

- Achei que ele (o árbitro) não estava apitando igual para os dois lados. Em um lance isolado até erra. Mas vi várias vezes o Luis Fabiano fazendo a carga em cima dos nossos zagueiros, todo mundo sabe que aquilo é falta. Ele não deu nenhuma e depois deu uma da defesa. A gente já estava com dificuldades, se o árbitro ainda empurra o adversário para cima da gente fica mais difícil. No lance da expulsão, eu disse que o auxiliar concordava comigo e falei para ele ter a humildade de escutar o bandeira - disse o treinador.