icons.title signature.placeholder Matheus Babo
icons.title signature.placeholder Matheus Babo
04/07/2013
11:04

No domingo - quando enfrenta o Botafogo - o Fluminense entrará em campo reforçado de um trio campeão: Diego Cavalieri, Jean e Fred estão de volta ao clube e confirmados para o clássico na Arena Pernambuco. E o aproveitamento do trio junto em 2013 é excelente, cerca de 62%, quase o mesmo da campanha do Tricolor no Brasileirão do ano passado, que foi de 68%.

Apesar do discurso adotado no clube ser de que o grupo é a grande força, é inegável que o trio traz mais respeito e força ao Flu. Nesta temporada, eles atuaram juntos em 13 partidas nesta temporada. Ao todo, foram sete vitórias, três derrotas e três empates. Dos 39 pontos disputados, 24 foram conquistados.

Na Seleção, o trio não atuou junto em nenhuma vez durante os amistosos ou a Copa das Confederações. Mas o Tricolor contará com um Fred ainda mais artilheiro (em 2013 ele marcou mais com a amarelinha do que com a camisa tricolor), e com mais respeito dos adversários. E isso é um trunfo que os jogadores sabem que o Flu pode contar:

E MAIS
> Mina de ouro tricolor! Flu esquece contratações e investe na base
> Fluminense pretende explorar mais a imagem de Fred, novo ícone nacional
> Fábrica de campeões: grandes apostas e mudança de conceito em Xerém

- Faz sempre a diferença para a gente. Ele em campo ou não, nós vamos buscar a vitória, mas ele impõe muito respeito. O Fred foi o Fred, aquilo que ele faz aqui no clube, ele mostrou na Seleção e foi fundamental - disse o companheiro de ataque Rhayner.

Na última quarta-feira foi a vez de Diego Cavalieri e Jean retornarem aos treinamentos, nesta quinta, é a vez de Fred e o técnico Abel Braga deve começar a esboçar o time com os trio da Seleção na equipe titular. O Botafogo que se cuide.



No domingo - quando enfrenta o Botafogo - o Fluminense entrará em campo reforçado de um trio campeão: Diego Cavalieri, Jean e Fred estão de volta ao clube e confirmados para o clássico na Arena Pernambuco. E o aproveitamento do trio junto em 2013 é excelente, cerca de 62%, quase o mesmo da campanha do Tricolor no Brasileirão do ano passado, que foi de 68%.

Apesar do discurso adotado no clube ser de que o grupo é a grande força, é inegável que o trio traz mais respeito e força ao Flu. Nesta temporada, eles atuaram juntos em 13 partidas nesta temporada. Ao todo, foram sete vitórias, três derrotas e três empates. Dos 39 pontos disputados, 24 foram conquistados.

Na Seleção, o trio não atuou junto em nenhuma vez durante os amistosos ou a Copa das Confederações. Mas o Tricolor contará com um Fred ainda mais artilheiro (em 2013 ele marcou mais com a amarelinha do que com a camisa tricolor), e com mais respeito dos adversários. E isso é um trunfo que os jogadores sabem que o Flu pode contar:

E MAIS
> Mina de ouro tricolor! Flu esquece contratações e investe na base
> Fluminense pretende explorar mais a imagem de Fred, novo ícone nacional
> Fábrica de campeões: grandes apostas e mudança de conceito em Xerém

- Faz sempre a diferença para a gente. Ele em campo ou não, nós vamos buscar a vitória, mas ele impõe muito respeito. O Fred foi o Fred, aquilo que ele faz aqui no clube, ele mostrou na Seleção e foi fundamental - disse o companheiro de ataque Rhayner.

Na última quarta-feira foi a vez de Diego Cavalieri e Jean retornarem aos treinamentos, nesta quinta, é a vez de Fred e o técnico Abel Braga deve começar a esboçar o time com os trio da Seleção na equipe titular. O Botafogo que se cuide.