icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
27/02/2015
14:09

Na manhã desta sexta-feira, a cúpula da Federação Internacional de Automobolismo (FIA) aprovou o retorno da Manor, antiga Marussia, à Fórmula 1. A escuderia participará da atual temporada da categoria e já anunciou o seu retorno. Até o momento, o único piloto confirmado é o britânico William Stevens.

Em uma lista atualizada do grid para esta edição do campeonato, a FIA assegurou a vaga da escuderia. Antes do Natal, houve a divulgação dos participantes e o nome do time não aparecia entre os confirmados.

A inscrição da equipe só foi confirmada depois de semanas de negociações entre a FIA e os chefes da equipe que confirmaram que tudo referente às finanças e infraestrutura está pronto para correr em 2015.

Embora não tenha ligações com os antigos proprietários da Marussia, a escuderia utiliza o mesmo nome para que tenha direitos idênticos ao da competidora na temporada passada. O nono lugar de Jules Bianchi em Mônaco foi o suficiente para a Marussia terminar o ano como nona no mundial de construtoras, assegurando um prêmio de cerca de 30 milhões de libras (R$ 132,27 milhões) para esta temporada.