icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/06/2014
18:12

Apresentado oficialmente na manhã desta sexta-feira, Léo Gago chegou ao Bahia mostrando estar feliz e conhecer a história do clube. O volante, que já passou por Vasco, Coritiba, Palmeiras e Grêmio, também falou que por detalhes não se juntou ao Esquadrão em outras oportunidades.

- O clube onde eu estava não me liberou na época, e não chegou nada para mim. Quando chegou, agora oficialmente, fiquei muito contente por vir para um time grande, bicampeão brasileiro, de história, de massa. Espero chegar aqui e dar o máximo, dar muita vontade para que a torcida me acolha também, do jeito que acolheu grandes jogadores. Vim para cá de coração aberto, muito contente pela oportunidade de defender o Bahia - afirmou Léo Gago.

Léo Gago chega ao Bahia por empréstimo até o fim do ano e garantiu estar 100% preparado para jogar. Em abril, Léo teve uma lesão no ligamento do tornozelo esquerdo quando jogava pelo Grêmio.

- Já estou treinando normalmente. Até o último jogo, contra o Palmeiras, eu estava à disposição do Enderson, no Grêmio. Vim para cá 100%, estou treinando com o grupo 100% e espero não ter mais nenhuma lesão para que eu possa ter mais sequência de jogo e ajudar o Bahia.

Versátil, o volante de 31 anos, se colocou a disposição do técnico Marquinhos Santos para atuar onde for preciso. Mas lembrou que, como volante, se sente mais à vontade marcando

Sou mais ou menos um segundo homem. Se o Marquinhos precisar que eu jogue como terceiro, eu jogo. E, se precisar, também jogo como primeiro volante. Não tenho diferença. Acho que volante, primeiro, tem que marcar e depois sair para jogar - concluiu Léo Gago.