icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
01/02/2015
08:47

A nova formula do Campeonato Pernambucano não dá descanso aos jogadores. Logo nas duas primeiras partidas, o Sport já encara dois clássicos. O primeiro confronto, contra o Santa Cruz, terminou com uma imponente vitória do Leão, por 3 a 0. O lateral Alex Silva, que fez sua estreia em jogos oficiais pelo clube, comentou sobre o difícil duelo e considerou a garra da equipe como o fator crucial para a primeira vitória no estadual. Já pensando no jogo de quarta-feira, diante do outro grande rival, o Náutico, o jogador espera um confronto complicado e prega respeito ao Timbu.

- Na primeira partida do ano, você enfrentar um grande rival é complicado. Entramos muito focados e sabíamos que, do outro lado, a vontade de vencer era a mesma que a nossa. O primeiro tempo foi difícil e truncado. Porém voltamos atentos para a segunda etapa e conseguimos marcar três gols. Essa vitória é da garra do nosso time. Esse clássico mostrou a dificuldade do Campeonato Pernambucano, e não podemos esperar jogos fáceis. O nível da disputa será alto, com certeza, mas a torcida pode ter certeza que vamos brigar por mais esse título.

Com apenas 20 anos, o lateral revelado pelo Atlético Mineiro possui números de um veterano. Em duas temporadas vestindo a camisa do Galo, ele possui um título nacional (Copa do Brasil) e um título continental (Recopa Sul-Americana).

Prevendo jogo difícil, na próxima rodada do Campeonato Pernambucano, Alex fala sobre o confronto contra o Náutico.

- Hoje, felizmente saímos com um ótimo resultado, mas temos que deixar a euforia de lado e nos concentrar no jogo contra o Náutico. Teremos mais um confronto difícil, mais um clássico estadual. Será mais uma batalha a ser vencida. Vamos enfrentar um adversário complicado e respeito nunca é demais para esse momento.

Em 2014, o jogador atuou, ao todo, em 43 partidas, sendo vitorioso em 22 oportunidades e perdendo em apenas sete. Já iniciando com vitórias em 2015, o Sport não terá muito tempo para comemorar o triunfo no primeiro clássico do ano, pois, no próximo domingo, às 18h30, enfrenta, diante da sua torcida, o outro rival regional, o Náutico.