icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/02/2015
19:02

O primeiro tempo do empate de Portuguesa e São Bento por 2 a 2 não ânimou. Mas apesar de jogo ter começado fraco tecnicamente, a segunda etapa foi mais emocionante e movimentada. Jogando no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, a Portuguesa marcou com Diego Gonçalves e Wanderson, zagueiro do São Bento que jogou contra a própria meta. Pelo time sorocabano, marcaram Eder Correia e Marcelo Cordeiro.

Mal começou a partida e a Lusa já estava na frente no placar. Logo aos três minutos, Fabinho Capixaba avançou até a linha de fundo pelo lado direito e cruzou rasteiro para a área, o zagueiro Wanderson afastou para o lado errado e fez gol contra.

O São Bento tinha mais posse de bola, mas faltava qualidade para criar chances claras de gol. Do outro lado, depois do gol contra, a Lusa não conseguiu mais chegar à área do time de Sorocaba.

O segundo tempo foi melhor e já começou com o São Bento atacando. A pressão deu resultado e aos nove minutos veio o empate. Após chute de Eder Correia e defesa de Rafael Santos, a bola sobrou para Marcelo Cordeiro cruzar e o prórprio Eder completou de cabeça para igualar o placar.

O São Bento continuou melhor e chegou a virar o jogo, mas a arbitragem anulou o gol de Danilo Alves marcando, corretamente, o impedimento. A Lusa reagiu e voltou a estar na frente depois de Diego Gonçalves tabelar com Marcelinho e balançar as redes.

O jogo ficou movimentado e ganhou emoção. Aos 32 minutos, Betinho colocou a mão dentro da área e foi marcado pênalti para o São Bento. Marcelo Cordeiro cobrou bem e empatou novamente a partida em 2 a 2, dando números finais ao duelo.

A Lusa chega a quatro pontos e divide a liderança do Grupo C com o Botafogo de Ribeirão Preto (Palmeiras, com três pontos, joga nesta quinta contra a Ponte Preta). O São Bento chega ao seu segundo ponto no Grupo B, atrás apenas do Coritnhians, que possui três pontos mas teve jogo do Paulistão adiado por conta do duelo contra o Once Caldas, pela Libertadores.