icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/12/2013
09:05

Alessandro iniciou como dono da lateral direita do Corinthians nas últimas seis temporadas. O capitão da Libertadores e do Mundial, porém, resolveu se aposentar e a posição virou um drama para a diretoria. Edenilson, titular a partir do segundo semestre de 2013, tem a venda encaminhada para a Udinese (ITA) e partirá para a Itália em janeiro.

Além das ausências dos últimos titulares, o principal alvo para a lateral direita se tornou um sonho impossível. Rafinha, que tinha acordo financeiro com o Timão, renovou contrato com o Bayern Munique (ALE) e frustrou os alvinegros.

Para piorar, os outros jogadores que foram analisados e tiveram suas situações contratuais esmiuçadas também não vingaram. Rafael, do Manchester United (ING), e Mariano, do Bordeaux (FRA), foram procurados, mas não houve qualquer tipo de acordo financeiro com eles.

A diretoria está ciente do problema. Em entrevista à Rádio Transamérica, Roberto de Andrade reconheceu a falta de opção na lateral.

– A gente está trabalhando, mas não está fácil achar lateral. Havíamos feito um contato com o Bayern para trazer o Rafinha, mas eles por necessidade acabaram renovando o contrato. É um jogador que a gente estava achando que ia dar certo, não vai, agora vamos ver outro – afirmou o diretor de futebol.

O elenco, agora, tem apenas duas opções: Guilherme Andrade, que vinha atuando como é volante, e Diego Macedo, que jogou na linha de três meias no 4-2-3-1 de Tite.

Como está o elenco do Corinthians

Goleiros
Posição preenchida. Enquanto Cássio e Walter têm prestígio, Julio Cesar e Danilo Fernandes brigam para ser o terceiro goleiro. Um deles deve deixar o clube.

Lateral esquerda
Na esquerda, tudo resolvido. Com Fábio Santos mantido como titular e a provável chegada de Uendel, da Ponte Preta, clube não buscará mais ninguém. A direita é o grande problema do momento.

Meio-campo
Com Ralf e Guilherme como volantes titulares, clube busca outras opções de marcação para reserva. Os meias Danilo e Douglas, veteranos, estão em baixa na armação e podem sair. Com Renato Augusto recuperado, Timão tenta buscar pelo menos mais um meia. Jogadores que atuam pelos lados também são observados.

Ataque
Guerrero e Pato são os nomes. Romarinho e Emerson não vivem bom momento, mas devem permanecer. Um centroavante e um de movimentação são estudados.