icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/02/2015
14:04

Pode ter sido em tom de brincadeira, ou de fato falando sério. Mas o brasileiro Hulk disse que existe a possibilidade de voltar ao Porto dentro de poucos anos. O atual atacante do clube, Jackson Martínez, ultrapassou o brasileiro em gols no Estádio do Dragão, e com 46, é agora o maior artilheiro dentro da casa do time. Hulk, que fez 44 por lá em sua passagem, garantiu que não ficou triste, mas que quer voltar ao topo quando deixar o Zenit.

- Fiquei feliz, ainda mais por ter sido quem foi. Continuo acompanhando e torcendo de longe, e quem sabe no futuro, daqui a uns dois anos, eu não volto e ultrapasso de novo o Jackson entre os artilheiros do estádio? - brincou Hulk, em entrevista ao jornal "O Jogo", segundo a reportagem, "mais em jeito de desafio do que de promessa".

Hulk chegou ao Porto em 2008, cinco anos depois da inauguração do Estádio do Dragão, feito para a Eurocopa de 2004, em Portugal. Com os seus 44 gols lá dentro, ajudou o Porto a conquistar quatro vezes o Campeonato Português, além de uma Liga Europa, três Taças de Portugal, além de três Supertaças de Portugal. Acabou saindo em 2012, mesmo ano em que Jackson chegou. O Cha Cha Cha havia passado o brazuca no meio da semana passada, e já abriu dois de distância neste fim de semana, na goleada sobre o Paços de Ferreira.

- Saí do Porto e deixei uma ligação muito boa com o clube, jogadores, diretoria e torcida - concluiu o brasileiro, que marcou um golaço olímpico neste fim de semana em amistoso pelo Zenit.