icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/06/2014
12:29

A explosão dos fãs nas arquibancadas do Clube Labareda, em Belo Horizonte, retratou o tamanho do feito de Gustavo Coelho. Após 14 meses se recuperando de uma grave fratura na perna esquerda, nesta sexta-feira, o atleta subiu novamente ao cage na principal luta do Brasil Fight 360º, e nocauteou o experiente Leandro Sete-Bala no segundo round do combate. Mineiro da capital, Gustavo conquistou sua 11ª vitória na carreira, e fez da luta um momento inesquecível.

- Só quem esteve ao meu lado durante o período da minha recuperação sabe pelo que passei para chegar até aqui. Dedico essa vitória a todos que me apoiaram. Foi tudo muito difícil, mas consegui dar a volta por cima e vencer um adversário muito duro. Nunca mais vou esquecer desse dia - comemorou o lutador de 31 anos, após ter o braço erguido e fazer a alegria de seu torcida, presente em grande número.

Com o corte de cabelo inspirado em Vitor Belfort, amigo e líder de sua atual equipe, a Belfort Team, Coelho revelou contato com o lutador do UFC pouco antes da luta.

- O Vitor me ligou quando estava vindo para o ginásio, ele e a Joana (Prado, esposa de Belfort). Eles me desejaram muito sucesso nessa volta, falaram que fariam uma oração para me abençoar na luta, e deu tudo certo. Estou muito feliz - revelou.

Companheiro de treinos de José Aldo nocauteia mais um no Brasil Fight
Em sua quarta participação no cage da organização, Matheus Nicolau foi mais uma vez arrasador. No co-main event da noite, em pouco mais de dois minutos de luta, o atleta da Nova União foi para cima e, com um cruzado de esquerda, mandou Pedro Kezen à lona em um belo nocaute, o terceiro lutando pelo Brasil Fight.

Atleta da Nova União conquista mais uma vitoria na carreira (FOTO: Divulgação)

Mesmo com a apresentação irrepreensível, o atleta de 21 anos espera ainda maior evolução na carreira.

- Fico feliz em ser visto como uma das grandes revelações do MMA nacional, e saber que muitos gostam de me ver lutando. Evito ser comparado aos grandes nomes, mas quero seguir evoluindo e quero subir degrau por degrau na carreira - avaliou.

Ainda no card principal, Carlos Soares levou a melhor sobre Ramon Cyborg na luta mais equilibrada da noite. A decisão pelo vencedor foi dividida entre os juízes laterais, com o terceiro round a favor de Carlos Soares sendo decisivo para o julgamento. Pedro Curiri anotou a única finalização no card principal da noite, com sua guilhotina sobre Filipe Havy no primeiro round.

Já pelo card preliminar, o destaque ficou por conta de Dênis Três Dedos. O atleta conquistou sua quarta vitória em quatro lutas no MMA profissional ao superar Fabio Sucuri no segundo round, após desistência verbal do oponente. Com a bela apresentação, Deninho, como é conhecido, faturou o bônus Kit Adidas de lutador destaque da noite.

Brasil FIght 360º - Resultados oficiais
Card Principal
Gustavo Coelho venceu Leandro Sete-Bala por nocaute técnico aos 4 minutos e 15 segundos do segundo round
Matheus Nicolau venceu Pedro Kezen por nocaute aos 2 minutos e 17 segundos do primeiro round
Carlos Soares venceu Ramon Cyborg por decisão dividida dos juízes laterais
Pedro Curiri finalizou Filipe Havy com uma guilhotina aos 3 minutos e 28 segundos do primeiro round
Card Preliminar
Dênis Três Dedos venceu Fábio Sucuri por nocaute técnico (desistência verbal) aos 3 minutos e 8 segundos do segundo round
Daniel Moraleida finalizou Rejão Trator aos 2 minutos e 37 segundos do primeiro round.
Erikson Costa venceu Edipo Pow por nocaute técnico aos 4 minutos e 21 segundos do primeiro round
Bruce Souto finalizou Eliseu Matsuuda com um mata-leão aos 2 minutos e 49 segundos do segundo round
Marlon Kid venceu Lucas Bigous por decisão unânime dos juízes laterais
Fagner Rakchal venceu Raphael Caixeta por nocaute aos 48 segundos do primeiro round