icons.title signature.placeholder Walace Borges
20/11/2014
13:24

Seria impossível chegar ao Rio de Janeiro com um sorriso no rosto após ser goleado por 4 a 0 pelo Atlético-MG, fora de casa. E não foi diferente com o Flamengo, que chegou à Cidade Maravilhosa por volta das 13h desta quinta-feira. Cabisbaixos, os jogadores até pararam para falar com a imprensa, mas não conseguiram demonstrar nenhum tipo de ânimo.

- Temos que voltar a ganhar para terminar o campeonato digno. Não é porque faltam três jogos e não podemos fazer mais nada no campeonato que vamos entregar. A vitória tem que acontecer para nos dar dignidade nesse fim de ano. É o mínimo que podemos fazer - afirmou o goleiro Paulo Victor, único destaque do time na partida.

Os próximos três jogos do Campeonato Brasileiro (contra Criciúma, Vitória e Grêmio) servem também para que os jogadores mostrem serviço para o técnico Vanderlei Luxemburgo. Cientes de que o treinador ficará para a próxima temporada, eles alimentam a esperança de continuar com espaço em 2015.

- A gente tem que estar preparado para jogar sempre. É claro que sabendo que ele vai ficar para o ano que vem todo mundo tenta fazer algo a mais e mostrar algo diferente. Vamos continuar fazendo de tudo pelo Flamengo - afirmou o volante Luiz Antonio.