icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/12/2013
09:58

André Villas-Boas chegou ao segundo fracasso seguido no Campeonato Inglês. O anúncio da saída do treinador do Tottenham foi feito nesta segunda-feira, dia seguinte à goleada de 5 a 0 sofrida em White Hart Lane contra o Liverpool. O português deixa o ex-clube a oito pontos da liderança, na sétima colocação.

A decisão pela saída do treinador veio após um início de temporada com resultados abaixo do esperado e um grande investimento feito pelos Spurs, que venderam Gareth Bale mas contrataram Paulinho, Soldado, Lamela e Eriksen. Após a temporada mágica de 2009-2010, quando conquistou o título da Liga Europa com o Porto de Falcão Garcia e Hulk, Villas-Boas não supruiu as expectativas de novo "prodígio" e teve seu contrato de três anos com os londrinos rescindido, em comum acordo.

- O clube anuncia que chegou a um acordo com o treinador Andre Villas-Boas pelo fim de seus serviços. A decisão foi consensual e de interesse das duas partes. Desejamos a Andre o melhor para o futuro. Devemos fazer um pronunciamento em breve - resumiu-se a comunicar o Tottenham, via site oficial.

E a goleada do último final de semana não foi excessão em partidas decepcionantes do londrinos. Nos últimos dois jogos contra gigantes ingleses, o Tottenham foi atropelado pelo Manchester City, por 6 a 0, e empatou com o vacilante Manchester United, que recentemente perdeu duas partidas seguidas em casa pela competição nacional. Outra surpresa do time de Villas-Boas dentro de casa foi a derrota por 3 a 0 para o rival local West Ham.