icons.title signature.placeholder Caio Carrieri
24/06/2014
21:39

A derrota por 2 a 1 para a Grécia, nesta terça-feira, no Castelão, encerrou não só a participação da Costa do Marfim na Copa do Mundo, como colocou um ponto final no ciclo do técnico Sabri Lamouchi no comando dos Elefantes. O anúncio foi feito pelo próprio técnico francês depois da partida, em entrevista coletiva no estádio.

- Na realidade, o resultado vai influenciar meu futuro de maneira obrigatória. Fizemos um esforço ao longo de dois anos. A minha história na Costa do Marfim acaba hoje. Foi um grande prazer representar este grande país do futebol. O resultado final é cruel. Se os gregos mereceram a vitória, nós poderíamos ter ficado com a vaga se o jogo acabasse um minuto antes. Temos que analisar os detalhes. Sofremos um pênalti aos 48 do segundo tempo. Isso nos frustra muito porque todos fizeram grandes sacrifícios. Fico triste pelo povo marfinense. Todos estão muito tristes. Isso terá um impacto no meu futuro. Gostaria que a partida tivesse acabado de outra forma para a nação da Costa do Marfim.

Com emoção! No último minuto, Grécia vira o jogo e se classifica

O ex-meia com passagem pela Inter de Milão (ITA), de 42 anos, assumiu o comando da seleção africana em 2012, na sua primeira oportunidade como treinador. Após garantir vaga para a Costa do Marfim no Mundial, ele conduziu a equipe em apenas uma vitória, sobre o Japão (2 a 1) e duas derrotas também pelo mesmo placar para Colômbia e, nesta terça, para a Grécia.

- Meu contrato acaba na Copa do Mundo e vocês entendem o porquê. Esses dois anos não foram fáceis para nós. Mas tenho muito orgulho de representar a Costa do Marfim. Foi uma honra liderar e ser o técnico dessa seleção. Fico triste pelo fato de esses jogadores não conseguirem algo melhor depois de tanto esforço - complementou o comandante, que terminou na terceira posição do Grupo C, com três pontos, apenas na frente dos nipônicos, com um.

Com o triunfo, a Grécia assegurou o segundo lugar da chave e enfrentará a Costa Rica nas oitavas de final, na Arena Pernambuco, no próximo domingo. A líder Colômbia duelará com o Uruguai, sábado, no Maracanã.