icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/11/2013
15:45

Já que não vai poder defender a seleção espanhola pela primeira vez nos amistosos contra Guiné Equatorial e África do Sul, nos próximos dias 16 e 19 de novembro, Diego Costa deve fazer sua estreia com a Fúria apenas em março do ano que vem, e ao invés de pegar adversários fracos, como seria dessa vez, vai pegar logo a Itália.

Caso não haja uma nova lesão, ou deixa de ser uma opção para Vicente del Bosque, a primeira partida do jogador do Atlético de Madrid pela seleção será no dia 5 de março, no Estádio Vicente Calderón, justamente o do Colchonero.

A seleção espanhola divulgou o corte de Diego Costa na última segunda-feira. O jogador sofreu uuma ruptura fibrilar na coxa direita, e após reunião com os médicos da Fúria, foi cortado.

Diego Costa possui nacionalidade hispano-brasileira e havia sido convocado pela primeira vez para defender a Espanha na última quinta-feira. A chamada veio após uma enorme polêmica pois o atacante, nascido na cidade sergipana de Lagarto, rejeitou uma convocação do técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari.