icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
08/02/2015
22:05

Bruno Zanuto marcou seu nome definitivamente na história do voleibol italiano. O brasileiro foi eleito MVP da Copa Itália A2 neste domingo, na cerimônia de premiação do bicampeonato do seu time, o Tonno Callipo Vibo Valentia. Na decisão, Zanuto marcou 17 pontos e a equipe superou o Picena por 3 sets a 2, com parciais de 25/23, 23/25, 20/25, 25/21 e 16/14, em 2h25 de jogo. O Vibo Valentia assegurou o segundo título após 12 anos.

Além do título inédito na carreira, Bruno Zanuto superou a pontuação dos medalhistas olímpicos Murilo, André Nascimento, Rodrigão e Giovane Gavio na Copa Itália. O ponteiro brasileiro soma agora 60 pontos - Giovane tem 44 acertos; Rodrigão, 40; André Nascimento, 38 e Murilo, 37.

O ponteiro já havia conquistado a medalha de bronze na Copa Itália em 2007, pelo Latina, na sua primeira temporada em quadras italianas. O Vibo Valentia é o único time com quatro finais no torneio - foi campeão em 2002/2003 e 2013/2014 e vice em 2003/2004 e em 2007/2008. O título conquistado em abril de 2003 também foi obtido por 3 sets a 2 - na ocasião sobre o Lamezia. Por coincidência, naquele grupo havia também um brasileiro: o ponteiro gaúcho William Kirchhein.