icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/04/2014
17:00

O ex-jogador Dudu, meio-campista nas décadas de 60 e 70, comemorou nesta sexta-feira, dia 11, o 50° aniversário de seu primeiro jogo com a camisa do Palmeiras. Sua estréia aconteceu na derrota por 2 a 1, em um clássico contra o Santos, no Pacaembu.

Olegário Tolói de Oliveira, o Dudu, foi um dos jogadores que mais vestiram a camisa alviverde com 609 partidas, atrás somente de seu ex-companheiro de time Ademir da Guia com 901 e o ex-goleiro Emerson Leão com 617. O meio-campista fez 609 jogos com 341 vitórias, 158 empates e 110 derrotas.

- Sempre fui detalhista. Estudava os rivais. Tentava saber como jogavam, por onde driblavam. Mas as coisas só melhoraram com a ajuda dos mais velhos e com a chegada de Filpo Nuñez, que arrumou de vez o time. Ele berrava para mim: ‘Toca la pelota, Duda!’ É pimpampum!’ Não era Dudu, era Duda, mesmo. E eu tocava. Foi quando me aperfeiçoei na marcação e na cobertura e cheguei à Seleção - disse o ex-jogador ao site do clube.

Atleta que tambem vestiu a camisa da Seleção Brasileira, teve seu início de carreira no time da Ferroviária com 19 anos, em 1959. Sua chegada na Academia aconteceu anos mais tarde, em 1964.

Dudu encerrou sua passagem como jogador pela Sociedade Esportiva Palmeiras com 12 títulos e 27 gols. Após pendurar as chuteiras assumiu o cargo de treinador, com o bom número de 142 jogos, 75 vitórias, 45 empates e 22 derrotas.