icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/04/2014
18:58

O Santos perdeu a chance de igualar o São Paulo em Estaduais (ainda tem 20 títulos), na derrota para o Ituano, nos pênaltis. Logo após a última cobrança do zagueiro Neto, em que o goleiro Vagner fez a defesa, os jogadores do Santos foram logo se dirigindo para o vestiário e poucos deram entrevista. Thiago Ribeiro foi um dos únicos que ficaram no gramado. O atacante atribuiu a derrota ao desempenho do primeiro jogo, em que o placar foi de 1 a 0 para o time do interior.

- A gente lutou até o fim, não faltou vontade, mas o segundo jogo foi diferente, se disputasse o primeiro como foi hoje teria conquistado o título. A gente tem que ser forte, lamentamos, agora é levantar a cabeça e seguir adiante - disse o camisa 11, que foi substituído no segundo tempo.

Cícero, que perdeu um pênalti na primeira partida, fez dois neste domingo, um durante os 90 minutos, e o primeiro da sequência de desempate. O camisa 8 não quis falar muito na saída do campo.

- Não deu para a gente, não. Foi um título merecido para o Ituano - afirmou rapidamente o capitão santista.

Além deles, o técnico Oswaldo de Oliveira será o próximo a dar entrevista coletiva, no estádio do Pacaembu.

Fez história! Ituano derrota Santos nos pênaltis e é campeão