icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/06/2014
09:05

A derrota no Morumbi impediu que o Atlético terminasse a primeira parte do Brasileiro alcançando a meta traçada por Levir Culpi e seus comandados. Estacionado com 14 pontos, o time vai para a pausa do campeonato fora do G-4. Nada que desagradasse tanto o treinador alvinegro, que avaliou positivamente o desempenho geral do time.

- Agora teremos tempo para treinar, organizar o elenco. Estou acreditando no elenco, vamos brigar. Gostei da atitude deles desde o primeiro jogo que comandei – salientou o treinador, que em oito jogos à frente do Galo, saiu vencedor em quatro ocasiões, empatou uma e perdeu outras três.

MAIS:
> Zagueiro Otamendi é cortado por Sabella e não vai para a Copa
> Lesionados do Galo esquecem folga e se recuperam na Vila Olímpica

Apesar da meta não alcançada, Levir evita fazer novas projeções para o restante do campeonato, preferindo pensar em um jogo de cada vez.

- Não gosto de fazer contas com quantos pontos você precisa. No jogo contra o Criciúma queríamos os três pontos e levamos um. Depois teve o Santos e Fluminense, jogos mais difíceis e levamos seis. Então para mim o que vale é o próximo jogo, os três pontos. Não tenho esta conta. Vou levando o campeonato dentro dos três pontos e no final vamos ver onde vamos ficar – observou.

Desde que chegou ao clube, umas das maiores dificuldades de Levir foi lidar com as frequentes ausências dos jogadores por conta de lesão. O departamento médico do clube chegou a contar com onze atletas se recuperando, sendo que alguns deles, só voltarão ao campo de jogo na intertemporada na China, que começa no dia 16.