icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/08/2015
12:09

Depois de amargar uma derrota por nocaute para Conor McGregor em unificação dos cinturões dos penas que aconteceu em julho, pelo UFC 189, quando foi chamado de última hora para substituir o então lesionado José Aldo, Chad Mendes já tem seu retorno confirmado ao octógono. O americano encara Frank Edgar no dia 11 de dezembro, em Las Vegas (EUA), pelo TUF 22 FInale. O confronto acontece na véspera do UFC 194, onde Aldo e McGregor se encaram. E apesar do novo desafio à frente, ele ainda mira um reencontro com o irlandês.

Em entrevista ao programa UFC Tonight, Mendes avaliou o impacto que o chamado de última hora teve em seu revés e garantiu que se tivesse o tempo certo de preparação teria "destruído" o falastrão irlandês.

- Foi 110% da derrota naquela luta (o fato de ter sido chamado de última hora). Vi ele (McGregor) falando que não importa, que os chutes no corpo me abalaram, mas nenhum dos golpes no corpo me machucaram de verdade. Não senti dor alguma por conta daquilo. Eu sei, ele sabe e todos sabem: se eu tivesse o tempo de preparação completo, eu destruiria aquele cara em dez de dez vezes. Claro que indo para a luta eu vou falar que estou em forma. Claro que estou em forma sempre, mas você nunca está em forma para uma luta de cinco rounds. Aquilo me machucou. Todos sabemos que com o treinamento completo eu destruo aquele cara - prometeu o lutador. 

Além de Chad Mendes x Frank Edgar, o The Ultimate Fighter 22 Finale conta ainda com a luta entre Khabib Nurmagomedox e Tony Ferguson, e ainda o duelo entre Joe Lauzon e Evan Dunham.

Depois de amargar uma derrota por nocaute para Conor McGregor em unificação dos cinturões dos penas que aconteceu em julho, pelo UFC 189, quando foi chamado de última hora para substituir o então lesionado José Aldo, Chad Mendes já tem seu retorno confirmado ao octógono. O americano encara Frank Edgar no dia 11 de dezembro, em Las Vegas (EUA), pelo TUF 22 FInale. O confronto acontece na véspera do UFC 194, onde Aldo e McGregor se encaram. E apesar do novo desafio à frente, ele ainda mira um reencontro com o irlandês.

Em entrevista ao programa UFC Tonight, Mendes avaliou o impacto que o chamado de última hora teve em seu revés e garantiu que se tivesse o tempo certo de preparação teria "destruído" o falastrão irlandês.

- Foi 110% da derrota naquela luta (o fato de ter sido chamado de última hora). Vi ele (McGregor) falando que não importa, que os chutes no corpo me abalaram, mas nenhum dos golpes no corpo me machucaram de verdade. Não senti dor alguma por conta daquilo. Eu sei, ele sabe e todos sabem: se eu tivesse o tempo de preparação completo, eu destruiria aquele cara em dez de dez vezes. Claro que indo para a luta eu vou falar que estou em forma. Claro que estou em forma sempre, mas você nunca está em forma para uma luta de cinco rounds. Aquilo me machucou. Todos sabemos que com o treinamento completo eu destruo aquele cara - prometeu o lutador. 

Além de Chad Mendes x Frank Edgar, o The Ultimate Fighter 22 Finale conta ainda com a luta entre Khabib Nurmagomedox e Tony Ferguson, e ainda o duelo entre Joe Lauzon e Evan Dunham.