icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
06/02/2015
14:44

O momento que André Lima esperava por tanto tempo finalmente aconteceu na última quinta-feira. Reforço ofensivo do Avaí, o atacante entrou em campo no segundo tempo do duelo com o Criciúma, quebrando um jejum de quase dois anos sem jogar futebol profissionalmente.

Apesar de ser o principal nome do Leão, a falta de ritmo de jogo ficou evidente durante o clássico. André Lima não atuava desde julho de 2013, quando sofreu uma grave lesão no joelho esquerdo, além de acumular problemas burocráticos com seu ex-clube chinês. Mas sua reestreia no futebol não foi de todo ruim.

O oportunismo de atacante não lhe abandonou, e André acertou um forte chute na trave do Criciúma. Também furou uma finalização que por pouco não entrou nas redes, mas para o jogador de 29 anos, o seu retorno ao futebol profissional foi motivo de festa, apesar do empate sem gols.

- Foi um bom jogo, entramos diferente, merecíamos ter saído com uma vitória. Eu tive duas oportunidades, a bola bateu na trave em uma delas. Faz parte, poderia ter entrado, a torcida nos apoiou e eu particularmente estou muito feliz. São quase dois anos sem jogar, consegui fazer coisas que pela lesão eu teria muito medo de fazer. Foi um bom teste para mim, agora é dar sequência e continuar.

O Avaí volta a jogar no próximo domingo, contra o Atlético de Ibirama, no estádio Hermann Aichinger, às 19h30 da noite, em duelo válido pela terceira rodada do Campeonato Catarinense.